Barcos regionais a motor, veleiros, vigilengas, rabetas, bajaras, canoas ubás, igarités, catraias, botes fazem parte da memória afetiva, produtiva e econômica parauara, navegando pelo oceano Atlântico, baías, rios que mais parecem mares, lagos, igarapés, furos, estreitos, igapós e campos alagados…

Embora o Quartel Tiradentes esteja localizado no coração do bairro do Reduto, sediando o 2º BPM e duas Companhias da Polícia Militar do Pará, os meliantes parecem desafiar abertamente os policiais. Os assaltos no bairro continuam muito frequentes, principalmente no…

Douglas da Costa Rodrigues Junior, estudante de Letras - Língua Portuguesa da Universidade Federal do Pará e bolsista do Museu Paraense Emílio Goeldi, ganhou a 18ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica na área de Ciências Humanas…

O Ministério Público do Trabalho PA-AP abrirá na segunda-feira inscrições para Estágio de Nível Superior. A seleção será destinada ao preenchimento de vagas e formação do quadro de reserva de estagiários dos cursos de Administração/Gestão Pública, Biblioteconomia, Direito, Jornalismo, Publicidade/Propaganda…

Festa da torcida azulina

Foto: Mário Quadros
Felicidade é pouco para descrever o sentimento da nação azulina. O domingo tirou o fôlego dos amantes do futebol! A vitória do Remo  sobre o Operário-PR, que garantiu o acesso do clube para a Série C do Campeonato Brasileiro de 2016, por um placar de 3 a 1 no Estádio Olímpico do Pará Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém, foi um momento mágico. Aos 20 minutos do primeiro tempo, Eduardo Ramos cobrou escanteio, e Whelton marcou para o Leão.
No segundo tempo, Eduardo Ramos bateu da entrada da área e ampliou. Logo em seguida, Eduardo Ramos cruzou, e Alaílson fez o terceiro. Aos 33 minutos, o Operário descontou com Alemão: 3 a 1. Depois do apito final, os 35 mil torcedores que lotaram o Mangueirão fizeram bonita festa para a volta da equipe à terceira divisão brasileira. 
O fato é que o Remo está na Série C do futebol nacional – da qual já se sagrou campeão em 2005 – após amargar sete anos! Parabéns a essa torcida fenomenal, ao treinador Cacaio – que foi demitido umas três vezes mas os jogadores acreditaram nele -, e ao time, que resolveu a parada, com bravura. O volante Alaílson saiu de campo aos prantos, de tanta emoção.  Com a vitória, o Remo segue na competição e vai enfrentar o Botafogo (SP), na semifinal. O primeiro jogo será em Ribeirão Preto, e o segundo em Belém. 

 Assistam aqui aos melhores momentos.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *