A empresa de ônibus Belém-Rio, que faz a linha para o distrito de Outeiro – Ilha de Caratateua, em Belém, aparentemente está falida e reduziu pela metade a sua frota, causando enorme sofrimento aos usuários do transporte coletivo. O serviço,…

A Cosanpa abriu nada menos que seiscentos buracos imensos nos bairros mais movimentados de Belém, infernizando a vida de todo mundo com engarrafamentos e causando graves riscos de acidentes, principalmente porque chove sempre, e quando as ruas alagam os buracos…

O Procurador-Geral de Justiça César Mattar Jr. inaugurou nesta quinta-feira, 16, o Núcleo Eleitoral do Ministério Público do Estado do Pará, que vai funcionar na sede das Promotorias de Justiça de Icoaraci, distrito de Belém. O coordenador será o promotor…

A desembargadora Maria de Nazaré Saavedra Guimarães, que se destaca pelo belo trabalho que desenvolve à frente da Comissão de Ações Judiciais em Direitos Humanos e Repercussão Social do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, e que já coordenou…

Mais um caso que fere a dignidade humana


Faço um apelo ao governador em exercício, meu
conterrâneo Helenilson Pontes. Essa senhora da foto, que é de Belterra e mora
em Oriximiná, precisa urgentemente de ajuda. Sua doença é um Angioma gigante, ela
está desde 2010 na fila do Hospital Regional de Santarém, desde novembro de 2012
aguarda uma cirurgia no Hospital Ofir Loyola em Belém e a resposta sempre que
liga é que não há recursos para compra de material para a cirurgia. É uma
situação desumana e que não se justifica em hipótese alguma. Seu caso pode ser
verificado pelo Protocolo nº 11/112679 e prontuário nº 001.80493 no HOL.
Contatos com ela pelos telefones (93) 9111-8814 e 9116-4614.

A Secretaria de Saúde de Oriximiná nada pode
fazer, porque já há um processo de TFD (Tratamento Fora de Domicílio) em
andamento. Para
piorar, a paciente é servidora da Prefeitura de Belterra
e, 
apesar de ter sido submetida a perícia, está sem receber o
benefício a que faz jus porque a prefeita Dilma Serrão(PT) não repassa ao 
INSS as parcelas descontadas de seu contracheque. Já excedeu o prazo para a licença saúde, que é de dois anos, e não pode nem se aposentar, porque para o INSS ela nem consta como contribuinte. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *