Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

As Diretorias de Combate à Corrupção e de Polícia do Interior da Polícia Civil do Pará prenderam hoje (28), no Distrito Federal, durante a Operação "Litania”, uma falsa empresária e sócios-proprietários que utilizavam empresa de fachada como instituição financeira para…

A Secretaria de Estado da Fazenda do Pará publicou extrato de dispensa de licitação para contratar a Prodepa, por R$800.427,88, a fim de desenvolver novo site da Transparência do Governo do Pará, com criação de nova arquitetura de informação, navegação…

Andar de motocicleta proporciona histórias, experiências e adrenalina. Motos oferecem facilidade de locomoção rápida e de conseguir estacionamento. Mas a liberdade é, sem dúvida, o motivo número 1 de todo motociclista. Sentir o vento, o clima, fazer parte da paisagem. Este é…

Dia de Atenção ao Fissurado Labiopalatal

O autor do projeto com as mães dos fissurados. FOTO: OZÉAS SANTOS
O tempo regimental da sessão ordinária de hoje acabou e não foi votado o projeto de Lei nº 125/2017, que institui o Dia Estadual de Atenção ao Fissurado Labiopalatal, no dia 06 de agosto. Como a Associação Sorrisos Largos compareceu ao plenário para acompanhar a votação, inclusive levando crianças, o deputado Raimundo Santos, líder do Patriotas e autor do projeto, fez um apelo ao presidente Márcio Miranda no sentido de que, em sessões extraordinárias sucessivas, fosse logo votada a proposição em primeiro e segundo turnos e em redação final, e para não se estender demais todos os oradores inscritos para o debate abrissem mão do tempo, já que ninguém seria contra a iniciativa. 

O presidente consultou os líderes partidários, mas o deputado Soldado Tércio(PROS), 4º Secretário da Mesa Diretora – que já tinha impedido que prosperasse pedido anterior de inversão de pauta, a fim de liberar as crianças, que estavam cansadas – de novo não concordou e exigiu seus vinte minutos na tribuna, reclamando que os partidos de oposição estavam sendo maltratados. Contudo, as bancadas do MDB, PCdoB e do PT imediatamente se pronunciaram favoráveis e abriram mão do tempo, assim como o PDT, PR, PPS, PSC, PSB e PSD. Os líderes do Governo, Eliel Faustino; do PSDB, Celso Sabino, e o líder do PRP e 2º Secretário da Mesa Diretora da Casa, Fernando Coimbra, endossaram as palavras de Raimundo Santos e reproduziram seu apelo. Aí não restou a Tércio senão também aderir, embora mantendo as suas queixas.

O projeto, que prevê, ainda, semana alusiva à data para congregar ações que deem visibilidade ao problema de saúde e sensibilizem o poder público na implementação de políticas de atendimento aos pacientes, foi aprovado à unanimidade e seguirá para a sanção pelo governador Simão Jatene. 

Conforme dados do Ministério da Saúde, de cada 600 bebês que nascem no Brasil, um tem fissura labiopalatal. A demanda por atendimento é grande. Muitas crianças vão para outros Estados, enfrentando enormes dificuldades, e outras tantas ficam desassistidas até por falta de informação quanto à gratuidade e eficácia do tratamento, que é feito no Hospital Oncológico Infantil Dr. Octavio Lobo.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *