O presidente da Assembleia Legislativa do Pará, deputado Chicão, foi aclamado ontem por servidores e deputados após a sessão plenária, que se estendeu até as 15h, ao entregar os espaços reformados que já estão prontos para utilização. É que, em…

O delegado de polícia de Oriximiná, Edmílson Faro, prendeu o vigia Ailton Ferreira da Silva a pedido do presidente da Câmara Municipal, vereador Marcelo Andrade Sarubi (PSDB) e do vereador Márcio Canto (PTB) e, na presença de ambos e do…

Primeira do Brasil totalmente focada na educação para o trânsito, a biblioteca do Detran-PA foi criada em 1998 e começou direcionada ao público interno, funcionando no antigo prédio do órgão, ao lado da Ceasa. Em 1º de novembro de 1999,…

A Prefeitura de Belém vai revitalizar dezesseis imóveis do município que estão há anos em situação de abandono. Além do resgate do patrimônio histórico, artístico e cultural, a intenção é reduzir gastos com aluguéis de prédios que abrigam órgãos municipais.…

ACP & Empresários do Ano

A premiação dos Melhores do Ano da Associação Comercial do Pará destacou pessoas com histórias de vida bem interessantes, que valorizaram ainda mais a honraria, além de revelar curiosidades históricas. 

Ao anunciar o Empresário do Ano José Conrado, que preside a Fiepa e começou a trabalhar aos 14 anos, o presidente da ACP, Fábio Lúcio Costa, revelou que ele mesmo começou aos 11 anos. Rememorou que a Gráfica Sagrada Família, de Conrado, que existe há mais de 50 anos, sofreu um grande incêndio quando acabara de ser adquirida a sua oficina offset, na época o equipamento mais moderno. O socorro era chamado pelo rádio, e como demorava para chegar, o próprio governador Fernando Guilhon foi lá ajudar e deu ordem para tirarem água dos laguinhos onde viviam o peixe-boi, os jacarés, tartarugas e outros animais no Museu Paraense Emílio Goeldi, localizado em frente, e assim foram debeladas as chamas.

José Conrado fez questão de receber o título ao lado do irmão, João Santos,  e de toda a diretoria e ex-dirigentes da ACP. E lembrou fatos pitorescos, inclusive que, logo quando assumiu a Fiepa, chamou o publicitário Orly Bezerra, que criou o primeiro boletim informativo da entidade e o núcleo do qual surgiu a assessoria de comunicação corporativa.
A Mulher Empreendedora Salime Khaled, muito emocionada e aplaudida, também lembrou sua luta ao criar, há trinta anos e com apenas dez alunos CEAI – Centro de Estudo e Aprendizagem Integral.
E o Jovem Empresário Leonardo Daher contou que sua mãe, Leila Daher, quase morre  de susto ao saber que ele desistira de assumir um cargo para o qual fora aprovado em concurso público da Receita Federal para ser empreendedor de seu próprio negócio. 

Hoje todos eles, bem sucedidos, empregam dezenas de profissionais e são parceiros da campanha de combate ao trabalho infantil e de estímulo à aprendizagem. Foi uma festa bonita, pá.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *