A equipe multidisciplinar do centro obstétrico da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, em Belém (PA), vivenciou uma experiência rara e emocionante: o parto empelicado. Imaginem um bebê nascendo dentro da placenta intacta, com os movimentos visíveis, praticamente ainda…

Em ação civil coletiva do Sindicato dos Profissionais de Enfermagem, Técnico Duchista, Massagista, Empregados em Hospitais e Casa de Saúde do Estado do Pará, na qual o Ministério Público do Trabalho PA-AP atuou como fiscal da lei, a 2ª Vara…

Patrick Luis Cruz de Sousa, candidato a presidente do Conselho Regional de Farmácia do Pará pela Chapa 1 e atual conselheiro do CRF-PA, discursa na campanha em favor das mulheres, que representam 70% da categoria, mas no início deste ano…

A 27ª Unidade de Conservação do Estado do Pará abrange os municípios de Jacareacanga e Novo Progresso, no sudoeste paraense. O Decreto nº 1.944/2021 foi assinado pelo governador Helder Barbalho na quinta-feira, 21, e publicado ontem (22) no Diário Oficial…

Programa Conexão Mundo em Belém

Amanhã, às 9h, começa a etapa presencial das aulas de inglês do programa Conexão Mundo, no Centro de Desenvolvimento da Amazônia – CEDAM(Tv. Mauriti, nº 3251, Marco, Belém). Vinte e um estudantes paraenses tentam o intercâmbio nos EUA. Durante todo o mês de julho, eles receberão aulas teóricas e práticas de monitores americanos, os coaches, que orientarão e avaliarão a fluência no idioma. Iniciativa do Sistema FIEPA, por meio do Senai e do Sesi, em parceria com a Ong americana US-Brasil Connect, o Conexão Mundo dura cinco meses, em três etapas. Na primeira, foram dois meses de aulas virtuais, pelo Facebook, hangouts (bate-papos com webcam pelo Google) e uma plataforma virtual de aprendizado.
Agora, os monitores americanos ficam em Belém para dar aulas presenciais por 20 dias, envolvendo dinâmicas, jogos e simulação de situações comuns do mercado de trabalho. A terceira etapa inclui mais dois meses de aulas pela internet. Os 5% do total de alunos brasileiros inscritos no programa que mais se destacarem ganham 15 dias de imersão nos EUA, com todas as despesas pagas. Na viagem, eles ficam em casas de família, conhecem escolas, universidades, museus, entre outros locais, a fim de praticar o que aprenderam. O programa está na terceira edição e tem dois mil participantes do Brasil, de 31 cidades e 18 Estados. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *