Na terça-feira da semana passada (19), quando estava em votação no plenário da Assembleia Legislativa projeto de Indicação de autoria da deputada Professora Nilse Pinheiro transformando o Conselho Estadual de Educação em autarquia, detentora de autonomia deliberativa, financeira e administrativa,…

A desgraça sempre chega a galope, mas tudo o que é bom se arrasta indefinidamente no Brasil, o país dos contrastes e contradições, rico por natureza, com poucos bilionários e povo abaixo da linha da pobreza. Parece inacreditável, mas tramita…

O prefeito de Oriximiná, Delegado Willian Fonseca, foi reconduzido ao cargo pelo juiz titular da Vara Única daComarca local, Wallace Carneiro de Sousa, e literalmente voltou a tomar posse nos braços do povo. Era por volta do meio-dia, hoje (26),…

A equipe multidisciplinar do centro obstétrico da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, em Belém (PA), vivenciou uma experiência rara e emocionante: o parto empelicado. Imaginem um bebê nascendo dentro da placenta intacta, com os movimentos visíveis, praticamente ainda…

Os sem-noção de cidadania

Em plena Trav. Joaquim Távora, entre as ruas Dr. Assis e Dr. Malcher, no coração da Cidade Velha desta Belém pré-quatrocentona, a cidadania foi impedida por um indivíduo que simplesmente teve a audácia de bloquear a rua com um monte de areia para fazer uma obra em sua própria casa, localizada bem no meio do quarteirão. Ninguém podia passar, de carro, moto ou bicicleta, nem andando. A jornalista Andreza Vale Batalha viu o despautério, fotografou a cena, chamou a Semob e a Sesan, que não demoraram a mandar fiscais para lá. A Sesan multou o dono da areia por colocar entulho na rua e determinou que tratasse de retirar imediatamente o material. Já os agentes da Semob organizaram o trânsito, que àquela altura estava para lá de tumultuado. O fato aconteceu na quinta-feira, 15, de manhã. Se todo mundo seguir o exemplo de cidadania de Andreza, essa gente sem-noção que desrespeita os direitos de todos em favor dos seus, particulares,  vai acabar se civilizando.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *