Hoje a Assembleia Legislativa do Pará retomou seus trabalhos no segundo período legislativo do terceiro ano da da 19ª Legislatura, de forma totalmente presencial, apesar da reforma do prédio sede do Palácio Cabanagem e do próprio plenário Newton Miranda. Após…

Em visita oficial, a Academia Paraense de Jornalismo e a Comissão de Defesa do Patrimônio Histórico do Instituto Histórico e Geográfico do Pará pediu ao prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, o veto à alteração dos nomes da Rua da Municipalidade…

O IV Distrito Naval da Marinha do Brasil, em parceria com o Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), Praticagem da Barra do Pará, Sociedade Amigos da Marinha Pará, Secretarias de Saúde de Barcarena e do Estado do Pará, Tribunal…

Guy Veloso, filho do saudoso jurista, notário e político Zeno Veloso, plantou em sua memória um pé de baobá na Universidade Federal do Pará, onde o ilustre parauara se destacou como professor de direito civil e direito constitucional, formando gerações…

Estreia no teatro Claudio Barradas

 
A jornalista e atriz Andréa Cunha está no elenco do espetáculo “A Gente é Monstro”, que estreia hoje às 20h no teatro universitário Claudio Barradas. Andréa interpreta a inventora Marjorie, que fala de uma aventura no subterrâneo da cidade fictícia de Ponterrato. A peça é uma livre tradução do livro “Here Be Monster” de Alan Snow, que recentemente ganhou livre adaptação cinematográfica que concorreu ao Oscar de melhor animação, intitulada “The boxtrolls” ou “Os Caixatrolls”. A montagem, que traz aventura, humor e música,  segue no sábado e domingo, com sessões às 17h e 20h e brinca com várias linguagens, experimentando teatro de animação, teatro de sombra e o teatro musical.
 
O espetáculo é o primeiro do Coletivo Mirabolante Maquinário e traz no elenco também os atores Nilton Cézar, Valéria Lima, Álvaro de Souza, Emanuel Miranda e ainda um grupo de jovens atores, sob a direção do ator e dramaturgo Erllon Viegas. 
 
A sinopse: Arthur é um garoto que vive nos túneis subterrâneos de uma cidade chamada Ponterrato, com seu avô. Quando a fome aperta, é incumbido de conseguir comida na calada da noite. Em uma de suas expedições, ele se depara com uma trupe de caçadores de queijo e é aí que seus problemas começam. Arthur descobre uma grande trama por parte de Ladravão, o líder dessa trupe que envolve um rato gigante, uma invenção maluca e homens vestidos de mulher. E vai precisar da ajuda de monstros que vivem no subterrâneo de Ponterrato bem como caixatrolls, mulheres coelho, cabeças de repolho. Para impedir o maléfico plano do vilão, que pretende exterminar todo o tipo de vida do subterrâneo de Ponterrato, com o auxílio de Vainumar, um ex-conselheiro real, e de Marjorie, uma inventora maluca, o garoto vai ter que correr contra o tempo para salvar todos os monstros e o seu avô.
 
O ingresso custa R$ 30, com meia para estudantes e gratuidade para idosos, conforme a lei. Vão e levem suas crianças! O teatro Claudio Barradas é da Escola de Teatro e Dança da UFPA e fica na rua Jerônimo Pimentel, 546, esquina com Dom Romualdo de Seixas, no bairro do Umarizal.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *