Governador do Pará e presidente do Consórcio de Governadores da Amazônia Legal, Helder Barbalho está com agenda intensa em Brasília, e em reunião com Lula nesta sexta-feira (27) apresentou documento proposto pelo CAL. Para o desenvolvimento regional do bioma amazônico,…

O Papa Francisco nomeou o atual bispo da prelazia de Marajó (PA), Dom Evaristo Pascoal Spengler, bispo de Roraima (RR), que estava sem titular há um ano, desde a transferência de Dom Mário Antônio da Silva para a arquidiocese de…

Utilizar o futebol como ferramenta de transformação social para crianças e adolescentes de todo o Pará é o objetivo do projeto "Futebol Formando Cidadão", que será lançado neste domingo (29) no oeste paraense. A iniciativa é do Tapajós Futebol Clube,…

No próximo sábado, 28, é o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Esta semana, foram divulgados dados da Secretaria de Inspeção do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) referente a 2022, quando foram resgatados 2.575 trabalhadores em condições análogas…

Escalpelamento zero nos rios do Pará


De 1982 até dezembro de 2014 foram registrados 409 casos de escalpelamento nos rios do Pará. Ao todo, 42 municípios concentram esse medonho acidente, que arranca todo o couro cabeludo e até a pele do rosto das vítimas, grande parte oriunda do arquipélago do Marajó e do oeste paraense. Em 2015 o número de ocorrências caiu para 11 casos, e em 2016 houve seis registros. Este ano nenhum caso foi registrado.

Desde 2008, quando foi criada a Comissão Estadual de Erradicação dos Acidentes com Escalpelamento, a Sespa promoveu, entre outras ações, a cobertura de carenagens, feita por militares da Capitania dos Portos, responsável pelas ações de segurança nos rios, procedimento que desde 2009 se tornou obrigatório por lei federal. De lá para cá, mais de 3 mil embarcações receberam proteção nos eixos dos motores. A instalação é patrocinada por empresas privadas. 

Pela atuação em parceria, a Sespa ganhou o diploma “Amiga da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental”, entregue pelo comandante do IV Distrito Naval, vice-almirante Alípio Jorge da Silva.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *