0
O superintendente substituto do Ibama no Pará, Alex Lacerda de Souza, não só colaborou com a Operação Madeira Limpa, da Polícia Federal, como também já providenciou o afastamento do gerente executivo do órgão em Santarém e outro técnico ambiental concursado, que foram presos hoje. Um processo investigativo disciplinar será instaurado. Ambos podem ser punidos até com demissão.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Sobre ser paraense e Paysandu

Anterior

Operação da PF tem reflexos na política

Próximo

Você pode gostar

Comentários