Governador do Pará e presidente do Consórcio de Governadores da Amazônia Legal, Helder Barbalho está com agenda intensa em Brasília, e em reunião com Lula nesta sexta-feira (27) apresentou documento proposto pelo CAL. Para o desenvolvimento regional do bioma amazônico,…

O Papa Francisco nomeou o atual bispo da prelazia de Marajó (PA), Dom Evaristo Pascoal Spengler, bispo de Roraima (RR), que estava sem titular há um ano, desde a transferência de Dom Mário Antônio da Silva para a arquidiocese de…

Utilizar o futebol como ferramenta de transformação social para crianças e adolescentes de todo o Pará é o objetivo do projeto "Futebol Formando Cidadão", que será lançado neste domingo (29) no oeste paraense. A iniciativa é do Tapajós Futebol Clube,…

No próximo sábado, 28, é o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Esta semana, foram divulgados dados da Secretaria de Inspeção do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) referente a 2022, quando foram resgatados 2.575 trabalhadores em condições análogas…

XXXIV Festival Internacional de Música do Pará

De 5 a 13 de novembro o Theatro da Paz, a Igreja de Santo Alexandre e a Sala Ettore Bosio sediarão o XXXIV Fimupa, oferecendo 21 concertos com músicos de vários países, artistas nacionais e regionais.

A Filarmônica Multiarte da Amazônia (Filma), regida pela maestrina Cibelle J. Donza; a Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP), sob a regência do maestro Miguel Campos Neto; a Amazônia Jazz Band, regida pelo maestro Eduardo Lima; a Orquestra Jovem Vale Música (OJVM), a Banda Sinfônica da Fundação Carlos Gomes e a Orquestra do Festival, que é formada por todos os músicos solistas e convidados que participam do FIMUPA, tocando em uma grande orquestra no Theatro da Paz, vão fazer apresentações especiais, além do Duo Pagliosa-Gomes, do Quarteto Carlos Gomes Belém, e dos grupos de percussão Economic Quartet / Banda Bora?, o Bakari Trio e o trio Toccata Brasilis.

Haverá também masterclasses de instrumentos que serão ministrados pelos músicos convidados. O Festival é realizado pela Fundação Carlos Gomes, com apoio da Secretaria de Cultura do Estado, do Sistema Integrado de Museus e Memoriais, da Academia Paraense de Música, da Funtelpa e da Fundação Amazônica de Música.

O Festival Internacional de Música do Pará foi criado há 35 anos, durante a primeira gestão da professora Glória Caputo à frente da FCG, que conta como tudo começou. “Naquele ano, diversas instituições ligavam oferecendo apresentações de grupos de câmara (formações de pequenos grupos de instrumentos ou vozes, com repertório de música erudita). Nós aceitamos e juntamos todas as apresentações para a mesma semana, incluímos nossos grupos locais e montamos uma programação. A partir daí, o Festival só cresceu e hoje promove cursos, oficinas, masterclasses com instrumentistas, maestros e cantores convidados que participam dessa intensa semana musical no Pará”.

Com a volta das apresentações presenciais e abertura das fronteiras, este ano, o FIMUPA receberá o quarteto de cordas Beo String Quartet (EUA) e a pianista paraense Nathália Kato, o pianista ucraniano Vitaly Pisarenko e o pianista Paolo André Gualdi (Itália/EUA), além do conjunto de música de câmara Amici Chamber Ensemble (BRA/EUA/Rússia). Também está programado o concerto com o violinista Geza Hossu (Suíça) e o Duo de Saxofone e Piano Kolesov Grinevich (Rússia), que participou da edição anterior do Fimupa.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *