Barcos regionais a motor, veleiros, vigilengas, rabetas, bajaras, canoas ubás, igarités, catraias, botes fazem parte da memória afetiva, produtiva e econômica parauara, navegando pelo oceano Atlântico, baías, rios que mais parecem mares, lagos, igarapés, furos, estreitos, igapós e campos alagados…

Embora o Quartel Tiradentes esteja localizado no coração do bairro do Reduto, sediando o 2º BPM e duas Companhias da Polícia Militar do Pará, os meliantes parecem desafiar abertamente os policiais. Os assaltos no bairro continuam muito frequentes, principalmente no…

Douglas da Costa Rodrigues Junior, estudante de Letras - Língua Portuguesa da Universidade Federal do Pará e bolsista do Museu Paraense Emílio Goeldi, ganhou a 18ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica na área de Ciências Humanas…

O Ministério Público do Trabalho PA-AP abrirá na segunda-feira inscrições para Estágio de Nível Superior. A seleção será destinada ao preenchimento de vagas e formação do quadro de reserva de estagiários dos cursos de Administração/Gestão Pública, Biblioteconomia, Direito, Jornalismo, Publicidade/Propaganda…

XIX Feira Pan Amazônica do Livro

A XIX Feira Pan Amazônica do Livro abre no dia 29 de maio, no Hangar Convenções e Feiras da Amazônia, e segue até 7 de junho, com mais de 96 mil títulos dos mais variados gêneros, encontros literários, seminários, música e oficinas, entre outras atividades. O evento vai prestar homenagem ao escritor Ariano Suassuna, falecido no ano passado. Além disso, reverenciará o Japão e sua rica cultura para comemorar os 120 anos do Tratado de Amizade. 

O secretário de Estado de Cultura, Paulo Chaves, adiantou que a Feira proporcionará debates com Beto Veríssimo e o universo dos blogs, que estarão no Papo-Cabeça. No estande central da Feira haverá uma mostra da cultura japonesa: cerimônia do chá; demonstrações de ikebana; caligrafia e origami, por exemplo.

Nos Encontros Literários Paraenses, Paulo Nunes e João Carlos Pereira falarão de crônicas e mini-textos; Juraci Siqueira e Claudio Cardoso, sobre trovas e cordeis; Luciana Brandão e Giselle Ribeiro, de poesia feminina; Nilson Oliveira e Vasco Cavalcante, acerca de edições, papel e tela e Paulo Silber e Marcelo Damaso sobre Jornalismo e Literatura. 

No estande do Escritor Paraense, espaço cedido gratuitamente pela Secult, onde escritores de vários municípios lançam livros, fazem sessões de autógrafos e promovem outros eventos que tornam o local uma grande vitrine da produção literária, atraindo leitores, editoras e outras oportunidades de negócios, mais de 120 autores já estão confirmados. A Academia Paraense de Letras também terá estande próprio na programação, que oferece espaço, ainda, para o Estande Literatura de Cordel.

O Encontro Literário Nacional deste ano terá como destaques Daniel Munduruku; José Castello; Rodrigo Lacerda; Stella Maris Rezende; Cristiano Mascaro; Ignácio de Loyola Brandão e Oscar Fussato Nakasato.
A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz vai fazer concerto na abertura oficial da Feira.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *