Lançamentos literários, apresentações de teatro, oficinas voltadas para as culturas pop e japonesa, arrecadação de livros, atividades pedagógicas e lúdicas direcionadas ao público infantil, entre outras ações, estão no cardápio de cultura e arte servido aos visitantes do estande da…

O procurador do Ministério Público do Trabalho Sandoval Alves da Silva tomou posse na chefia da Procuradoria Regional do Trabalho da 8ª Região para o biênio de 2021-2023 enfatizando o papel decisivo do MPT na garantia dos direitos humanos. O…

Prevaleceu o bom senso e o cuidado com as pessoas. O prefeito Edmilson Rodrigues ouviu o secretário municipal de Saúde, Maurício Bezerra, e técnicos responsáveis pela vacinação e enfrentamento à Covid-19, e cancelou os desfiles das escolas de samba, blocos…

Começou hoje (27) às 8h e segue até às 17h a votação nas prévias do PSDB para escolher seu candidato à Presidência da República. O resultado, se tudo correr bem, deve ser anunciado às 20h. O partido passou a semana…

UEPA ensina a fazer cerveja frutada

A Universidade do Estado do Pará encerrou anteontem o curso de extensão Elaboração de Cerveja à base de Frutas Regionais. O diferencial da bebida é o sabor. Imaginem só cerveja com sabor de cupuaçu, acerola, manga e açaí, com teor alcoólico de 1,3% a 5%, que pode ser feita em casa!

As cervejas artesanais produzidas na Uepa descansaram por dez dias, tempo necessário para fermentação e depois armazenamento em geladeiras. Ao final do curso, alunos e convidados aproveitaram que era sexta-feira e degustaram 24 garrafas de 600 ml de cerveja sabor açaí.


A cerveja artesanal é feita a partir da fermentação de cereais, e começa na separação dos grãos, moagem e maltagem, até a fervura, maturação, pasteurização e armazenamento. Além de Belém, o curso já foi ministrado nos municípios de Paragominas, Marabá, Cametá e Salvaterra. 


O doutor em recursos naturais e coordenador do curso de extensão, professor Marcos Augusto Eger da Cunha, destaca que a bebida se diferencia das feitas industrialmente. Vejam só o que ele diz: “A nossa cerveja é toda natural e os alunos veem os produtos que vamos colocar. A cerveja tem que ter cevada, lúpulo, fermento e, no nosso caso, a fruta. Qualquer fruta. A cerveja em si é um remédio. O lúpulo serve contra enxaqueca, dor de cabeça. A cevada é revigorante”.
De quebra, o professor ainda recomenda ser interessante que as pessoas, na hora do almoço e jantar, tomem um copo de 300 ml de cerveja para permanecer com a saúde em dia. Mas não se afobem, a bebida deve ser consumida com moderação, realça o especialista.“Não é tomar uma garrafa, e sim um copo. A cerveja é tida como remédio, o único empecilho é o álcool”.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *