1

O Detran-PA apreendeu agora à tarde (29) o veículo flagrado na quinta-feira passada (27) em manobras perigosas na praia do Atalaia, em Salinópolis, no nordeste do Pará, tendo ao volante uma adolescente de 12 anos de idade. O caso teve grande repercussão nas redes sociais, com vídeos da menina fazendo “cavalos-de-pau”, pondo em risco todas as pessoas, principalmente crianças pequenas que brincavam na areia. Imagens mostram o carro em alta velocidade – um Renault, com placas de Cuiabá (MT) – e uma família que foi reclamar e acabou agredida por trabalhadores na praia. Houve confusão generalizada. A PMPA interveio, dando tiros para o alto. A mãe da menina “bateu boca” com a senhora que filmou tudo. O proprietário do veículo, pai da garota, foi multado por por entregar veículo a alguém se carteira de habilitação e advertido que nenhum menor de idade pode conduzir veículo nem mesmo a título de aprendizagem, as aulas práticas só são permitidas a partir de 18 anos e com todos os trâmites junto ao Detran.

O mesmo carro voltou a ser flagrado em situação irregular hoje, obstruindo a via, dificultando a passagem dos demais. Orientado pelos agentes do Detran-PA a retirar o automóvel, o condutor o manobrou sem cinto de segurança. Além do mais, estava com o licenciamento vencido e em processo de transferência. O coordenador de operações e fiscalização do Detran-PA, Ivan Feitosa, determinou que acionassem o guincho e a Polícia Militar e veículo e proprietário foram parar na delegacia.

O caso reacendeu o debate sobre o trânsito de veículos automotores na praia, que deveria ser proibido, como proteção à vida de todos os frequentadores.

Mas esse não foi o único episódio envolvendo condutores irregulares em Salinópolis neste fim de semana. Um motorista foi flagrado transitando pela contramão em plena PA-444, que liga a cidade às praias do Atalaia e Farol Velho. Abordado e submetido ao teste do etilômetro, foi constatado que o condutor dirigia sob efeito de álcool e sua CNH estava suspensa desde 2017. Acabou na Seccional Urbana de Polícia Civil do município. De acordo com o levantamento do Detran-PA, sé neste mês de janeiro, 118 condutores foram autuados lá por alcoolemia e 31 se recusaram a realizar o teste do etilômetro, todos indo ou voltando da praia.

Ainda em Salinas, outro condutor, que dirigia sem habilitação, foi encaminhado hoje à delegacia de polícia após se envolver em acidente que deixou uma vítima ferida. Haja trabalho para a jovem e competente delegada de Salinópolis, Ariane Magno, que enfrenta desde o tráfico de drogas até arrombadores de residências de verão.

Outra ação no STF contra decreto que põe em risco cavernas

Anterior

Paciente na UPA do Icuí pode morrer sem atendimento

Próximo

Vocë pode gostar

Mais de Notícias

1 Comentário

  1. Infelizmente estas ações irresponsáveis continuam a acontecer em salinas, urge a necessidade de uma fiscalização mais intensa como forma preventiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *