Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

Na quarta-feira passada, dia 24, a audiência pública na Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, em Brasília, era para discutir a gravíssima situação na Terra Indígena Yanomami, mas o clima de enfrentamento entre bolsonaristas e lulistas inviabilizou…

O prefeito Edmilson Rodrigues anunciou que Belém tem condições de fazer o Carnaval 2022, após reunião hoje (25) à tarde com representantes das escolas de samba e blocos carnavalescos. Ele acredita que com mais de 80% de pessoas vacinadas contra…

Em 17 de dezembro de 1999, a Assembleia Geral das Nações Unidas designou o 25 de novembro Dia Internacional da Eliminação da Violência contra a Mulher. Passados 22 anos, os dados do 14° Anuário Brasileiro de Segurança Pública são aterrorizantes: por…

Sobre Jarbas Passarinho

Recebi, do conselheiro aposentado e ex-presidente do TCM-PA e ex-presidente da Alepa, Ronaldo Passarinho, a seguinte mensagem, relativa ao post O Outono de Jarbas Passarinho, que transcrevo:

“Franssinete, sobre o tio Jarbas, o registro que faço: a par da imensa dor de sabê-lo sofrendo, vem o orgulho que temos, parentes e amigos, do exemplo edificante de sua vida. Em tempo algum, ficou maculado pelo dinheiro mal havido, ou pelo sangue de seus inimigos, alguns capazes das mais sórdidas aleivosias. O julgamento da História, quando for feito com isenção, lhe será inteiramente justo. Homem sem ódios, passou incólume pela imensa depravação moral que domina o Brasil.”

Nota do Blog: É uma pena que a Comissão Estadual da Verdade do Pará não pôde ouvir o depoimento de Jarbas Passarinho, da maior importância para elucidar fatos ainda obscuros na história do Pará e do Brasil durante o regime militar. Ronaldo Passarinho, que também tem muito a relatar, já aceitou o convite para dar seu testemunho, falta apenas marcar a data da oitiva. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *