Na terça-feira da semana passada (19), quando estava em votação no plenário da Assembleia Legislativa projeto de Indicação de autoria da deputada Professora Nilse Pinheiro transformando o Conselho Estadual de Educação em autarquia, detentora de autonomia deliberativa, financeira e administrativa,…

A desgraça sempre chega a galope, mas tudo o que é bom se arrasta indefinidamente no Brasil, o país dos contrastes e contradições, rico por natureza, com poucos bilionários e povo abaixo da linha da pobreza. Parece inacreditável, mas tramita…

O prefeito de Oriximiná, Delegado Willian Fonseca, foi reconduzido ao cargo pelo juiz titular da Vara Única daComarca local, Wallace Carneiro de Sousa, e literalmente voltou a tomar posse nos braços do povo. Era por volta do meio-dia, hoje (26),…

A equipe multidisciplinar do centro obstétrico da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, em Belém (PA), vivenciou uma experiência rara e emocionante: o parto empelicado. Imaginem um bebê nascendo dentro da placenta intacta, com os movimentos visíveis, praticamente ainda…

Os maiores salários do Brasil

Carlos D’ávila, “Bessias”, Daniel Azeredo e José Múcio

A revista Veja publica matéria bombástica este fim de semana, assinada por Pieter Zalis, que destaca os maiores salários do Brasil no serviço público. São o juiz federal Carlos D’Ávila Teixeira (R$198.852,39); o procurador da República no Pará Daniel César Azeredo Avelino (R$96.919,83), o ministro do Planejamento Dyogo Henrique de Oliveira (R$81.720,53), a desembargadora federal do TRF de São Paulo Therezinha Cazerta(R$83.064,62), os juízes federais Vera Lúcia Ponciano (R$82.598,37) e os juízes federais Alfredo dos Santos Cunha e Luís Gustavo Neves (ambos R$82.455,19), o ministro do TCU José Múcio Monteiro Filho(R$50.886,46)  e o procurador da Fazenda Jorge Rodrigo Araújo Messias – o “Bessias” daquela gravação do telefonema de Dilma a Lula – (R$55.459,30), além de vários outros membros do MPF e Judiciário, ministros do TCU, servidores do Senado e Poder Executivo.

Pelo levantamento de Veja, mais de 5 mil servidores federais recebem acima o teto constitucional. A revista ficou de publicar, ainda, a relação dos marajás do serviço público que são aposentados e pensionistas, nos âmbitos federal, estadual e municipal e nos três Poderes.

Cliquem aqui e leiam a matéria na íntegra.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *