Começou hoje (27) às 8h e segue até às 17h a votação nas prévias do PSDB para escolher seu candidato à Presidência da República. O resultado, se tudo correr bem, deve ser anunciado às 20h. O partido passou a semana…

Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

Na quarta-feira passada, dia 24, a audiência pública na Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, em Brasília, era para discutir a gravíssima situação na Terra Indígena Yanomami, mas o clima de enfrentamento entre bolsonaristas e lulistas inviabilizou…

O prefeito Edmilson Rodrigues anunciou que Belém tem condições de fazer o Carnaval 2022, após reunião hoje (25) à tarde com representantes das escolas de samba e blocos carnavalescos. Ele acredita que com mais de 80% de pessoas vacinadas contra…

Operação Bujaru

A juíza Edilene de Jesus
Barros Soares determinou busca e apreensão na prefeitura e secretarias de
Bujaru, a 80 Km de Belém do Pará. A operação foi deflagrada hoje de madrugada pelos
agentes do Grupo de Prevenção e Repressão a Organizações Criminosas do MPE-PA e
do Grupo de Pronto Emprego da Polícia Civil, acompanhados pelos promotores de
justiça Laércio Guilhermino de Abreu e Bruno Beckembauer Sanches Damasceno.
Foram apreendidos documentos, agendas,
anotações, contratos e notas de empenho referentes aos processos de licitação
dos anos 2010/2012, além de todos os computadores da prefeitura de Bjuaru.
Relatório de
fiscalização realizada em outubro de 2011 pela CGU apontou desmandos e
malversação de recursos públicos praticados pelo prefeito e secretários
municipais, notadamente os de Educação, Saúde, Assistência Social e
Administração, revelou o promotor de justiça e coordenador do Geproc Milton
Luiz Lobo Menezes.
O Ministério Público
agora vai periciar os documentos e equipamentos e levantar o montante de
recursos desviados em processo licitatórios e do Fundo de Desenvolvimento da
Educação básica (Fundeb).

Vejam
aqui
fotos da operação.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *