Governador do Pará e presidente do Consórcio de Governadores da Amazônia Legal, Helder Barbalho está com agenda intensa em Brasília, e em reunião com Lula nesta sexta-feira (27) apresentou documento proposto pelo CAL. Para o desenvolvimento regional do bioma amazônico,…

O Papa Francisco nomeou o atual bispo da prelazia de Marajó (PA), Dom Evaristo Pascoal Spengler, bispo de Roraima (RR), que estava sem titular há um ano, desde a transferência de Dom Mário Antônio da Silva para a arquidiocese de…

Utilizar o futebol como ferramenta de transformação social para crianças e adolescentes de todo o Pará é o objetivo do projeto "Futebol Formando Cidadão", que será lançado neste domingo (29) no oeste paraense. A iniciativa é do Tapajós Futebol Clube,…

No próximo sábado, 28, é o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Esta semana, foram divulgados dados da Secretaria de Inspeção do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) referente a 2022, quando foram resgatados 2.575 trabalhadores em condições análogas…

Abre hoje a Feira Pan-Amazônica do Livro



O concerto “Poesia e Música. Por um Mundo Melhor”, da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz e a cantora lírica paraense Carmen Monarcha, abre hoje às 19h a XXI Feira Pan Amazônica do Livro, no Hangar – Centro de Convenções da Amazônia.
Trata-se de um dos maiores eventos literários do país. Ao todo, 450 editoras participam, sendo 40 expositores diretos. Ao longo de todo o salão principal e secundário do Hangar, foram montados 130 estandes, que acomodam nada menos que 150 toneladas de livros, de 45 mil títulos. Livrarias e editoras venderão obras a preço médio de R$ 10. As editoras universitárias darão desconto de 50% em todos os seus livros. E olhem que são títulos que não são encontrados com facilidade e nem vendidos em qualquer livraria.



Durante dez dias, a Feira terá programação cultural intensa que engloba seminários, gincanas literárias, contação de histórias, workshops, shows, saraus de poesia, encontros literários locais e nacionais. Para quem vai fazer Enem, haverá o ciclo de estudos preparatórios para o Exame. Serão oito palestras, duas a cada dia, que envolvem o conteúdo exigido para realização da prova, uma boa oportunidade para os estudantes. 


Será também uma temporada musical. Dona Onete vai animar com seu carimbó chamegoso, o roqueiro Arnaldo Antunes, ganhador do prêmio Jabuti de poesia com o livro “Agora Aqui Ninguém Precisa de Si”, fará show no encerramento da Feira, e Moraes Moreira participará do Encontro Literário falando sobre Cordel.  


A partir de manhã, a Feira vai das 10h às 22h, até o dia 4 de junho. Vejam a programação completa aqui.


O secretário de Estado de Cultura Paulo Chaves e sua equipe da Secult estão de parabéns pelos 21 anos desta grande iniciativa.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *