A igreja de São Francisco de Assis em Belém do Pará, carinhosamente chamada pelos fiéis de "Capuchinhos", completará cem anos de sua inauguração em 02 de outubro de 2022. A abertura oficial das festividades será com um concerto na igreja…

O trânsito continua matando mais do que muitas guerras. A administradora Gina Barbosa Calzavara, coordenadora dos bosquinhos da Universidade Federal do Pará, fez uma emocionante homenagem à memória do jovem Jean Serique Lameira, esportista do ciclismo e que também usava…

O Laboratório de Engenharia Biológica do Parque de Ciência e Tecnologia - PCT Guamá está estudando o sequenciamento genético do açaí, de modo a assegurar a rastreabilidade de ponta a ponta na cadeia produtiva e padrões de qualidade para os…

A Lei estadual nº 9.278/2021, que entrou em vigor em 30 de junho deste ano, instituindo a obrigação de que pessoas residentes em condomínios, conjuntos habitacionais e similares comuniquem à Polícia Civil, de forma imediata, qualquer tipo de agressão praticada…

Memórias de uma raposa felpuda

Observador atento dos acontecimentos políticos parauaras contou ao blog que, em 1986, o então governador Jader Barbalho incentivou Mário Couto a criar uma escola de samba, a Arco-Íris, para rivalizar com o Rancho Não Posso me Amofiná. Garantia a vaga para disputar uma vaga de deputado estadual.  Mas, segundo o próprio Mário Couto, a vaga lhe foi negada. Em 1990, Ronaldo Passarinho, como líder do PDS, assegurou a ele o direito de disputar as eleições. Eleito, em 1991 passou para o PMDB. E assim, o mundo gira e a lusitana roda!

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *