A juíza Sara Augusta Pereira de Oliveira Medeiros, titular da 3ª Vara Cível, Infância e Juventude, Órfãos, Interditos e Ausentes de Castanhal (PA) exarou uma sentença emblemática, em plena Semana da Pessoa com Deficiência: obrigou a Escola Professor Antônio Leite…

Observando que é irracional o deslocamento de grande quantidade de pacientes em busca de tratamento, o Ministério Público do Pará ajuizou Ação Civil Pública contra o Estado do Pará e o Município de Marabá, para a criação de Unidade de…

O governador Helder Barbalho sanciona hoje à noite, em cerimônia no auditório do Centur, o 'Vale Gás' e o 'Água Pará', destinados a famílias de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade social. Ambos serão gerenciados e fiscalizados pela Secretaria…

Ciclistas liderados pelo grupo Pedal Mulher Nota 100, com apoio de alunos e voluntários da Universidade Federal do Pará e da Academia Paraense de Jornalismo, realizarão uma performance, nesta quinta-feira (23), das 8h às 10h, a fim de chamar a…

Marajoara com tumor no olho já está hospitalizada

Vanete Oliveira, a jovem marajoara de 28 anos e mãe de cinco filhos que sofre há catorze anos com um tumor enorme em um dos olhos, que lhe cobre quase a metade da face, já está internada no Hospital Ophir Loyola, onde foi recebida com muita atenção e todos os cuidados necessários pela equipe médica e de enfermagem. Antes, ela fez ressonância magnética do crânio e órbita, no Hospital Porto Dias. Ela chegou hoje em Belém por volta das 8h no porto Mega, na Bernardo Sayão, com uma acompanhante e o vereador Ney Mendonça, de Portel, que acompanhou todos os trâmites.  A editora do Portal Uruá-Tapera, Franssinete Florenzano, membro da Comissão Justiça e Paz da CNBB Norte 2, foi buscá-los e os transportou até o Hospital Porto Dias, onde a paciente já era esperada para realizar os exames de imagem, gratuitamente, fruto da solidariedade dos médicos Antonio Dias e Adriana Porto Dias, diretores do hospital. De lá os levou, com o laudo e as imagens em CD, para o HOL, onde também já estavam à sua espera, por atenção generosa dos secretários de Estado de Segurança Pública, Ualame Machado, e de Saúde, Romulo Rodovalho Gomes, além do diretor do Hospital Ophir Loyola, Joel Monteiro de Jesus.

O laudo médico aponta a possibilidade de “neoplasia de linhagem vascular agressiva ou mesmo sarcomatosa” como principais hipóteses no diagnóstico. Agora Vanete fará todos os exames clínicos pré-operatórios.

Os filhos dela, uma bebê de seis meses, um garotinho de 3 anos, uma menina de 7 anos, um menino de 9 anos e uma menina de 11 anos, estão em Portel, em situação abaixo da linha da pobreza, de grande vulnerabilidade, desnutridos e extremamente carentes de tudo. Precisam urgentemente ser amparados pela prefeitura de Portel, pelo Ministério Público do Pará, pela Defensoria Pública do Estado e pela sociedade.

As religiosas fundadoras e dirigentes da Fraternidade Católica Ágape da Cruz, Irmãs Raimunda Rodrigues e Maria Josefa Iglesias Fernandez, conseguiram a gratuidade dos exames no Hospital Porto Dias, pela generosidade de seus proprietários e diretores, e, ainda, uma consulta em Telemedicina com um especialista, neurocirurgião oftalmologista Marcos Antonio, de São Paulo, que se prontificou a vir a Belém ajudar na cirurgia, que será extremamente delicada, ou a operá-la em hospital de São Paulo.

Enquanto isso, essa família paupérrima precisa de alimentação e cuidados com as crianças. Eles nada têm. Qualquer coisa será de grande valia. Quem puder fazer doações de alimentos, roupas, calçados, material de higiene pessoal e de casa, utensílios domésticos, material escolar e brinquedos, além de roupas de cama, mesa e banho, pode fazer contato com o Portal Uruá-Tapera, pelo e-mail uruatapera@uruatapera.com.

Se o auxílio for financeiro, deve ser transferido para a conta bancária da Fraternidade Católica Ágape da Cruz. As irmãs são extremamente bondosas e corretas e estão na linha de frente ajudando essa família. Para facilitar, identifique a sua doação informando que se destina à paciente Vanete. Anotem os dados bancários: agência 2486-4 do Banco do Brasil, conta corrente 14177-1, da Fraternidade Católica Ágape da Cruz, CNPJ 10.766.643/0001-02.

Se as doações forem cestas básicas ou itens de vestuário, higiene, cama, mesa, banho e utilidades domésticas, podem deixar na Casa da Prelazia do Marajó em Belém (Travessa Teófilo Conduru, 99, entre Av. Ceará e Cipriano Santos, ao lado do supermercado Líder Canudos, aquele perto o início da Av. João Paulo II). De lá será providenciado o transporte até Portel.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *