0

Hoje no início da tarde o juiz Wallace Carneiro de Sousa, da 38ª Zona Eleitoral, de Oriximiná, decretou a inelegibilidade do deputado estadual Ângelo Ferrari, por oito anos, a partir de 2020, por abuso de poder econômico ou político, e uso indevido de meio de comunicação social – no caso, a rádio de sua família. A decisão se deu nos autos da AIJE – Ação de Investigação Judicial Eleitoral nº 0600641-25.2020.6.14.0038, movida por José Willian Fonseca, o Delegado Fonseca, prefeito eleito e atualmente afastado do cargo pela Câmara Municipal de Oriximiná.

Ângelo Ferrari pode recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral e ao Tribunal Superior Eleitoral. Confiram o inteiro teor da sentença.

Alepa outorga a Medalha Isa Cunha

Anterior

Prefeito de Itaituba terá que indenizar mulheres

Próximo

Vocë pode gostar

Mais de Notícias

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *