A Prefeitura de Belém está convidando os moradores da Cidade Velha à Consulta Pública sobre a reforma e revitalização do prédio ao lado da Igreja da Sé, onde por muito tempo funcionou a Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel).…

As eleições de 2022 coincidem com o bicentenário da Independência e os 90 anos de conquista do direito do voto feminino, ocorrida em 24 de fevereiro de 1932. Durante todo o Império, as brasileiras não puderam votar e somente 43…

O Ecomuseu da Amazônia, da Fundação Escola Bosque (Funbosque) promoveu no domingo, 25, na Ilha de Cotijuba, o roteiro patrimonial, pelo encerramento da 16ª Primavera dos Museus. Os visitantes conheceram o pólo do Ecomuseu, a história de Cotijuba, que passa…

A prefeitura de Portel, em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, lançou na sexta-feira passada (23) o projeto Marajó Sustentável, aliado ao Programa de Desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Seringueira no Estado do Pará…

Fiepa está unida em torno da modernização industrial

Quando todos apostavam em uma radicalização que causasse esgarçamento das relações empresariais na cúpula das indústrias instaladas no Pará, a diretoria da Federação das Indústrias do Estado do Pará, liderada por José Conrado Santos e José Maria Mendonça, deu uma guinada na base da habilidade em negociações e elegeu os próximos dirigentes em chapa única, com 78,5% dos votos válidos e a participação de 28 dos 29 Sindicatos associados. A eleição foi realizada ontem, 10, das 8 às 16h, na sede da Fiepa, e foi prestigiada pela presidente da Associação Comercial do Pará, Elizabete Grunvald, pelo ex-presidente da ACP e cônsul da Bélgica, Clóvis Carneiro, e pelo presidente da Fecomercio e do Conselho Deliberativo do Sebrae-PA, Sebastião Campos. O presidente eleito, a nova diretoria, o conselho fiscal e os delegados junto à Confederação Nacional da Indústria assumem o mandato em agosto do ano que vem, pelo quadriênio 2023/2027.

Após a proclamação do resultado do pleito, o presidente da Fiepa, José Conrado, que fica no cargo até agosto do ano que vem, cumprimentou a todos os associados e salientou que o trabalho por uma indústria paraense competitiva, moderna e dinâmica continua e deve ter prosseguimento na próxima gestão na entidade.

O engenheiro e empresário do setor de construção civil Alex Carvalho, mestre na área de Infraestrutura de Transportes pela Escola Politécnica da USP, há cinco anos presidente do Sinduscon Pará, reeleito à unanimidade, e também atual vice-presidente da Fiepa e da Regional Norte da Câmara Brasileira da Indústria da Construção, é o presidente eleito da Federação das Indústrias do Pará. Ele já representa a Fiepa no Conselho de Desenvolvimento Econômico do Estado do Pará, é titular do Conselho Fiscal do Sesi Pará e participa ativamente de vários fóruns de discussão e de eventos voltados para temas como infraestrutura do Estado, incentivos fiscais, licenciamento ambiental e relações de trabalho, entre outros. A nova diretoria é integrada por empresários experientes, a maioria protagonista nos setores onde atua, e por jovens industriais com grande capacidade de reinventar processos e interessados em novas tecnologias. “Com essa combinação de forças pretendemos trabalhar unidos, seja no diálogo, nas ações e nas parcerias dentro e fora do Estado, contribuindo muito mais por uma indústria inovadora e dinâmica”, pontuou Alex Carvalho.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *