Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

Na quarta-feira passada, dia 24, a audiência pública na Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, em Brasília, era para discutir a gravíssima situação na Terra Indígena Yanomami, mas o clima de enfrentamento entre bolsonaristas e lulistas inviabilizou…

O prefeito Edmilson Rodrigues anunciou que Belém tem condições de fazer o Carnaval 2022, após reunião hoje (25) à tarde com representantes das escolas de samba e blocos carnavalescos. Ele acredita que com mais de 80% de pessoas vacinadas contra…

Em 17 de dezembro de 1999, a Assembleia Geral das Nações Unidas designou o 25 de novembro Dia Internacional da Eliminação da Violência contra a Mulher. Passados 22 anos, os dados do 14° Anuário Brasileiro de Segurança Pública são aterrorizantes: por…

Estrada de Serra Pelada interditada

Caminhão pipa da Colossus ameniza a poeira

Moradores de Serra Pelada, no município
de Curionópolis, não conseguem mais suportar o sofrimento de trafegar na PA-275
e fecharam a estrada de acesso à vila dos garimpeiros de Serra Pelada, desde anteontem.
Do início da
rodovia estadual até o local interditado são cerca de 35 Km de estrada de chão
batido. A cada veículo – e lá trafegam muitos caminhões, por causa da área minerária
– a poeira levantada é tanta que ninguém enxerga um palmo adiante do nariz. Os
acidentes são constantes e muita gente já morreu lá. Além disso, há buracos em
profusão e também falta água potável e energia elétrica para os 8 mil moradores
do lugar. Na comitiva da Frente Parlamentar de Apoio à Mineração Sustentável, senti na pele o terror de usar aquela estrada.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *