A empresa de ônibus Belém-Rio, que faz a linha para o distrito de Outeiro – Ilha de Caratateua, em Belém, aparentemente está falida e reduziu pela metade a sua frota, causando enorme sofrimento aos usuários do transporte coletivo. O serviço,…

A Cosanpa abriu nada menos que seiscentos buracos imensos nos bairros mais movimentados de Belém, infernizando a vida de todo mundo com engarrafamentos e causando graves riscos de acidentes, principalmente porque chove sempre, e quando as ruas alagam os buracos…

O Procurador-Geral de Justiça César Mattar Jr. inaugurou nesta quinta-feira, 16, o Núcleo Eleitoral do Ministério Público do Estado do Pará, que vai funcionar na sede das Promotorias de Justiça de Icoaraci, distrito de Belém. O coordenador será o promotor…

A desembargadora Maria de Nazaré Saavedra Guimarães, que se destaca pelo belo trabalho que desenvolve à frente da Comissão de Ações Judiciais em Direitos Humanos e Repercussão Social do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, e que já coordenou…

Direitos Humanos e Justiça

O IV Fórum de Direitos Humanos abre amanhã, a partir das 8:30h da manhã, com uma rodada de conversas sobre “A reivindicação de terras pelo povo indígena e a dificuldade de demarcação pelo processo legal” e a “Saúde e educação para povos indígenas”, no auditório do ICJ/UFPA, em Belém.

O Fórum e o III Congresso Internacional de Justiça Global em Direitos Humanos na Amazônia começaram oficialmente ontem à tarde, com um ato político na Praça do Carmo, bairro da Cidade Velha, do qual participaram membros do Laboratório de Justiça Global e Educação em Direitos Humanos na Amazônia (LAJUSA) – organizador do congresso – , além de representantes da Sociedade Paraense de Defesa dos Direitos Humanos (SDDH); Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (Cedeca/Emaús); Grupo de Estudos Direito Penal e Democracia da UFPA; OAB e ativistas de movimentos sociais como o Xingu Vivo, Projeto Tela Firme, do bairro da Terra Firme e Movimento de Mulheres do Campo e da Cidade, entre outros. 

A programação incluiu a exibição de mini documentário, documentário e filme no Fórum Landi: “Crônicas (des) Medidas de Alyne Alvarez” foi debatido com Farah Malcher, do TJE-PA e o professor de direito penal da UFPA Hélio Moreira. “Serra Pelada”, alvo de debate com Gustavo Godinho e Priscila Brasil. E Adriano Barroso falou sobre “Ópera Cabocla”. Outra atração foi a exposição “A Amazônia que vi e intervi”, dos fotógrafos Alexandre Calandrini e Paula Vanessa,  também no Fórum Landi. 

O procurador da República André de Carvalho fará a conferência de abertura do congresso, intitulada “O futuro do sistema interamericano de direitos humanos: desafios e novas perspectivas”, nesta quarta-feira, 10, às 17h, no auditório do ICJ, no campus profissional da UFPA. A palestra tem como debatedoras a professora da universidade Paula Arruda e do LAJUSA, Amanda Pimentel.
A violação dos direitos humanos a partir da implantação dos grandes projetos na Amazônia é o tema da mesa redonda, e será abordado pelo representante do Movimento Xingu Vivo, Dion Monteiro, e pelos professores da UFPA José Benatti e Luly Fisher, tendo como mediador o membro do LAJUSA Enilson Rocha.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *