Na terça-feira da semana passada (19), quando estava em votação no plenário da Assembleia Legislativa projeto de Indicação de autoria da deputada Professora Nilse Pinheiro transformando o Conselho Estadual de Educação em autarquia, detentora de autonomia deliberativa, financeira e administrativa,…

A desgraça sempre chega a galope, mas tudo o que é bom se arrasta indefinidamente no Brasil, o país dos contrastes e contradições, rico por natureza, com poucos bilionários e povo abaixo da linha da pobreza. Parece inacreditável, mas tramita…

O prefeito de Oriximiná, Delegado Willian Fonseca, foi reconduzido ao cargo pelo juiz titular da Vara Única daComarca local, Wallace Carneiro de Sousa, e literalmente voltou a tomar posse nos braços do povo. Era por volta do meio-dia, hoje (26),…

A equipe multidisciplinar do centro obstétrico da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, em Belém (PA), vivenciou uma experiência rara e emocionante: o parto empelicado. Imaginem um bebê nascendo dentro da placenta intacta, com os movimentos visíveis, praticamente ainda…

Chalé Tavares Cardoso em restauro

Foto: Tássia Barros 
O histórico e belo Chalé Tavares
Cardoso, na vila de
 Icoaraci, tombado como patrimônio histórico, e que abrigou a
Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha na década de 1970 e o
museu de Artes Populares, mas estava caindo aos pedaços, começou
a receber  restauro. Construído entre 1870 e 1912 por Eduardo Tavares
Cardoso, dono de uma livraria, o prédio tem traços característicos da belle époque, período  do auge do ciclo da borracha no Pará. Desativado pela
prefeitura de Belém em 2014,  por problemas estruturais, desde então a
biblioteca passou a funcionar em local provisório, na orla do distrito. Agora,
toda a edificação, que inclui térreo, andar superior e subsolo, numa área
total de 1900 metros quadrados, será recuperada, bem como o telhado,
mantidos os traços originais arquitetônicos. Também será feito novo forro,
coberto por manta impermeabilizante, a fim de evitar infiltrações. 





A obra está na fase de
instalação de sondagem e execução de estacas-raiz, para reforçar a estrutura do
prédio. Serão mais de 50 pontos de fundação, com cerca de 20 metros de
profundidade, cada um. A fachada suntuosa e rica em detalhes será toda
reconstituída, e executadas novas redes de drenagem, elétrica e
hidrossanitária. A imponente escadaria de madeira será refeita, respeitando os
adornos e detalhes decorativos originais. O guarda-corpo em madeira, tanto das
escadarias quanto das varandas, também será  recuperado. A empresa que
está executando os serviços garantiu que vai montar, no local, uma oficina de
marcenaria para trabalhar minuciosamente cada peça de madeira. A obra, iniciada em julho, está orçada em R$2,6 milhões e
tem previsão para ficar pronta em 12 meses. Vamos acompanhar e cobrar.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *