1

O Bosque Rodrigues Alves reabriu ao público na data dos seus 139 anos de fundação, dia 25 de agosto, e ganhou revitalização em diversos pontos do parque zoobotânico, como as calçadas, muros e grades, iluminação externa e a restauração do Lago da Iara, onde ficam os peixes e são realizados os passeios de barco. Além disso, houve a retirada de trinta árvores que estavam em situação de risco. No lugar delas foram plantadas mudas das mesmas espécies.

O Jardim Zoobotânico da Amazônia é um espaço importante para a população da capital paraense, principalmente pelas memórias afetivas que traz aos belenenses e turistas que visitam a cidade. Além disso, tem grande importância pela preservação ambiental em meio ao cotidiano de uma metrópole urbana, verdadeiro santuário da fauna e flora da Amazônia.

Para festejar a data, a banda da Guarda Municipal de Belém realizou apresentação especial para os visitantes, com um repertório bem paraense, de carimbó e brega.

É fundamental obedecer as regras do Bosque, não jogar lixo no chão, e não dar comida para os animais, o que pode fazer muito mal para eles, orienta a prefeitura. O Bosque ainda está em finalização de alguns espaços, como a praça de alimentação que será inaugurada em breve, e a reforma dos chalés. Apesar disso, o local seguirá recebendo visitação do público, informa o diretor do Bosque, Alexandre Mesquita.

A programação de hoje teve contação de histórias nas Ruínas do Castelo, pintura facial e atividades para crianças no Lago da Iara, teatro de fantoches e trilhas sobre a história do Bosque

Neste sábado, 27, vai ter aulão de ginástica na frente do Coreto Chinês, Projeto Abelhas Nativas para Cidades Amazônicas (contação de história e exposição), Trabalhos com resíduos sólidos, VetKids (Interação das crianças com os cuidados com os animais), trilhas, campanha de sensibilização aos visitantes, arborismo com demonstração de escalada em árvore em frente à Gruta, Yoga e meditação, e Pet Agronomia (exposição de insetos amazônicos).

Novo diretor da Seção Judiciária do Pará

Anterior

MP contingencia recursos da Ciência & Tecnologia

Próximo

Vocë pode gostar

Mais de Notícias

1 Comentário

  1. A reabertura do Bosque Rodrigues Alves traz à população paraense uma excelente opção de lazer e aprendizado sobre a nossa diversidade de fauna e flora.
    Oxalá esse mesma iniciativa possa contemplar o Museu Emilio Goeldi tão abandonado nos dias atuais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *