A sesquicentenária samaumeira que perdeu seus galhos na madrugada desta segunda-feira (6) é memória afetiva de todos os paraenses e até de gente de fora do Pará e do Brasil que frequenta Belém durante o Círio de Nazaré. Localizada em…

O Tribunal Regional Eleitoral do Pará oficializou o resultado da eleição suplementar em Viseu 39 minutos após o encerramento da votação. Foi eleito prefeito Cristiano Vale (nº 11 – PP – Voltando pra Cuidar da Gente) e vice-prefeito Mauro da…

Nem bem foi inaugurado, e ainda faltando a instalação dos bancos e finalização, o calçadão da Avenida Beira-Mar, em Salinópolis, sofreu diversas avarias. A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras acionou a empresa responsável pela obra, que está executando ações…

A expectativa era grande em relação à ida do governador Helder Barbalho à Assembleia Legislativa para a leitura da Mensagem na instalação da 61ª Legislatura. Funcionou como uma espécie de termômetro da Casa, que abriga novos deputados na oposição, e…

Blitz da Prefeitura de Belém recolhe lixo eletrônico

Computadores velhos, pilhas, celulares e outros aparelhos eletrônicos inservíveis são altamente poluentes e muitos usuários não sabem o modo correto de descartar. Através de um Termo de Cooperação Técnica firmado com a Associação Brasileira de Reciclagem e Eletrônicos e Eletrodomésticos (Abree), a Prefeitura de Belém realizou neste sábado, 5, uma “blitz” para recolher lixo eletrônico na Avenida Visconde de Souza Franco (Doca), no bairro do Reduto.

“Essa parceria começou em Belém no mês de maio, quando inauguramos uma Central de Logística Reversa na cidade”, explica a representante da Abree, Tamara Figueiredo. “Esta ação hoje foi muito eficaz. Lembramos que existem, em Belém, 26 pontos de recebimento desse tipo de material, onde o descarte é feito com segurança”.

Durante todo o dia, carros, bicicletas, motocicletas e pedestres paravam no ponto de recolhimento do lixo eletroeletrônico para fazer os descartes.

“Quando nós tivemos o convite de parceria com a Abree para fazermos o recolhimento de lixo eletrônico, fomos despertados para lançar à população essa ideia de descarte ecológico”, conta o diretor-geral da por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Leonardo de Jesus. “Aí surgiu a iniciativa de fazer essa ‘blitz’”.

A Semma agora deve pesar o material recolhido, apresentar um balanço e encaminhar o tudo para a Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis de Belém (Concaves), primeira cooperativa desse segmento cadastrada junto à Prefeitura. A intenção é de que ações como essa ocorram uma vez ao mês, de forma itinerante.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *