O procurador do Ministério Público do Trabalho Sandoval Alves da Silva tomou posse na chefia da Procuradoria Regional do Trabalho da 8ª Região para o biênio de 2021-2023 enfatizando o papel decisivo do MPT na garantia dos direitos humanos. O…

Prevaleceu o bom senso e o cuidado com as pessoas. O prefeito Edmilson Rodrigues ouviu o secretário municipal de Saúde, Maurício Bezerra, e técnicos responsáveis pela vacinação e enfrentamento à Covid-19, e cancelou os desfiles das escolas de samba, blocos…

Começou hoje (27) às 8h e segue até às 17h a votação nas prévias do PSDB para escolher seu candidato à Presidência da República. O resultado, se tudo correr bem, deve ser anunciado às 20h. O partido passou a semana…

Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

TJE-PA negou guarida a Mônica Pinto

O Pleno do TJE-PA
rejeitou à unanimidade, hoje, queixa-crime proposta por Mônica Alexandra da
Costa Pinto contra o presidente da Alepa, deputado Manoel Pioneiro(PSDB). Ela
alegou que, no dia 17/02/2011, ao ser entrevistado a respeito das investigações
sobre fraudes na folha de pagamentos da Assembleia, Pioneiro ofendeu sua honra
e atingiu sua reputação, dignidade e decoro.
O Ministério
Público se manifestou pela rejeição da queixa-crime, por entender ser atípica a
conduta atribuída ao presidente da Alepa, mesmo entendimento do relator, desembargador
Ronaldo Valle: “do que consta nos autos,
não constato os elementos caracterizadores dos crimes de calúnia e difamação,
uma vez que não se verifica o dolo específico por parte do querelado. O que se
percebe no processo é que o deputado narrou os fatos de que tinha conhecimento,
sem citar o nome da ex-servidora, informando que tudo seria apurado
”.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *