Evellyn Vitória Souza Freitas nasceu no chão do banheiro do Hospital Municipal de Portel, município do arquipélago do Marajó (PA), no dia 28 de julho de 2021, por volta das 8h da manhã, prematura de 28 semanas e dois dias, pesando 1Kg e 39…

Vanete Oliveira, a jovem marajoara de 28 anos e mãe de cinco filhos que sofre há catorze anos com um tumor enorme em um dos olhos, que lhe cobre quase a metade da face, já está internada no Hospital Ophir…

Equipes da Divisão de Homicídios e da Delegacia de Repressão de Furtos e Roubos estavam monitorando há um mês o grupo criminoso que planejava roubar em torno de R$ 1 milhão no caixa eletrônico do Banpará localizado dentro do Hospital…

Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

Tensão Pré-Convenção

É conversa ao pé do ouvido que não acaba mais. Algumas mais nervosas do que as outras. Alguns confirmando o velho axioma de que político é como nuvem: uma hora está aqui, outra ali e depois em outro lugar… O deputado Sidney Rosa(PSB), por exemplo, iria ser candidato ao Senado, depois a deputado estadual, passou a pleitar mandato federal e agora vai disputar uma vaga estadual mesmo. E assim é que as candidaturas ao Senado, nas duas maiores chapas, ainda podem trazer surpresas. Depois de todo o disse-me-disse que, afinal, foi apaziguado, no tange ao senador Mário Couto(PSDB), a chapa governista ainda pode ser inflacionada com mais uma candidatura avulsa. Resta esperar até amanhã para ver se confirma. Na chapa de Helder Barbalho(PMDB), com a espada de Dâmocles sobre a cabeça de Paulo Rocha(PT), por causa da inelegibilidade, já brandida em tese inclusive com jurisprudência que inclui manifestação do STF, Beto Faro(PT) movimenta-se no banco reserva esquentando a musculatura, pronto para entrar em campo em substituição ao titular. A conferir, também. Quanto a Duciomar Costa(PTB), depois de tentar em vão pressionar Jatene para tirar o vice-governador Helenilson Pontes(PSD) da parada e se candidatar ao Senado sozinho – o que parece uma manobra até tola, já que o governador não cedeu nem a Mário Couto, que é de seu partido e candidato nato – parece que vai apoiar a chapa governista sem se candidatar, de olho em uma fatia do futuro governo. O presidente da Alepa, deputado Márcio Miranda(DEM), vai ter que usar toda a sua capacidade diplomática para não sucumbir à saia-justa em que foi enfiado. Até amanhã acompanha institucionalmente o governador Simão Jatene(PSDB) em suas andanças inaugurando obras. Seu eleitorado, em toda a sua vida pública, é o mesmo de Jatene, e obviamente não irá abandoná-lo agora. Mas terá que obedecer à lei eleitoral e se enquadrar ao decidido por seu partido, que se uniu ao PMDB e PT. Haja punhos de renda!

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *