Desde sua origem, Marabá (PA) sofre anualmente enchentes dos rios Tocantins e Itacaiúnas e a população que reside em áreas de risco fica em situação de vulnerabilidade. Todos os anos a defesa civil estadual e municipal planeja, monitora e prepara…

Em noite de gala na próxima segunda-feira, 24, às 19h, no Teatro Maria Sylvia Nunes, em Belém, o governador Helder Barbalho vai lançar o 110º Campeonato Paraense de Futebol, o Parazão Banpará 2022, com transmissão ao vivo pela TV e…

Todos os órgãos de segurança estão trabalhando de forma integrada para dar suporte à população em face da destruição do pilar central e iminente desabamento do vão da ponte do Outeiro. O Centro Integrado de Comando e Controle da Segup…

O Procurador-Geral de Justiça do Estado do Pará, César Mattar Jr., recebeu em audiência o advogado Arnaldo Jordy e uma comissão integrada por Simone Pereira, da Universidade Federal do Pará; Marcelo Alves, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e…

Polo do Mar e Petróleo

O presidente da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas, Eduardo Costa, a secretária adjunta da Sectet, Maria Amélia Rodrigues, e o pró-reitor de pesquisa e pós-graduação da UFPA, Rômulo Simões Angélica, fizeram visita técnica à implantação do Polo Científico-Tecnológico do Mar e Petróleo da UFPA Campus Salinópolis, objeto de convênio entre a Fapespa e a UFPA em valor superior a R$ 20 milhões. Acompanhados pelos professores e pesquisadores do polo, visitaram os laboratórios, a biblioteca, a estrutura administrativa no campus e conheceram detalhes do projeto, que vai ter cursos de graduação em Engenharia de Exploração e Produção de Petróleo, Engenharia Costeira e Oceânica, Engenharia Computacional, além das licenciaturas em Física e Matemática, e alguns cursos de pós-graduação, com vagas para mais de mil alunos, o que transformará Salinópolis em importante polo universitário no Pará. 


Há alguns dias, a Fapespa lançou um pacote de editais de fomento e amparo à pesquisa no Estado totalizando mais de R$ 15 milhões. Deste montante, R$ 9 milhões para bolsas de iniciação científica, mestrado e doutorado e R$ 6 milhões para interiorização da pesquisa no Pará e editais Inter Pará.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *