O procurador do Ministério Público do Trabalho Sandoval Alves da Silva tomou posse na chefia da Procuradoria Regional do Trabalho da 8ª Região para o biênio de 2021-2023 enfatizando o papel decisivo do MPT na garantia dos direitos humanos. O…

Prevaleceu o bom senso e o cuidado com as pessoas. O prefeito Edmilson Rodrigues ouviu o secretário municipal de Saúde, Maurício Bezerra, e técnicos responsáveis pela vacinação e enfrentamento à Covid-19, e cancelou os desfiles das escolas de samba, blocos…

Começou hoje (27) às 8h e segue até às 17h a votação nas prévias do PSDB para escolher seu candidato à Presidência da República. O resultado, se tudo correr bem, deve ser anunciado às 20h. O partido passou a semana…

Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

Parceria contra a corrupção eleitoral

Tribunal Regional
Eleitoral, Ministério Público Eleitoral e CNBB Norte II assinaram, hoje, convênio
de cooperação técnica para o monitoramento, pela sociedade civil, do processo
eleitoral deste ano, que terá como ferramentas os serviços de Disque Denúncia, formulários
de denúncias on line, cartilhas e palestras educativas,
a fim de colocar o tema em evidência e estimular a participação cívica de todos
para coibir irregularidades como compra de votos, abuso do poder econômico e
utilização da máquina pública.

As denúncias eletrônicas
permitirão total sigilo da identidade de quem as fizer e serão recebidas diretamente
pelos promotores de justiça da área eleitoral. O sistema terá acompanhamento
simultâneo do procurador regional eleitoral, Igor Nery
Figueiredo, que examinará todos os relatórios, para análise e investigação.
O plantão 0800,
coordenado pela Comissão Justiça e Paz da CNBB e pelo Comitê Estadual do
Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, funcionará 24 horas/dia, sete dias
por semana e será lançado oficialmente em agosto. A CJP já tem uma cartilha educativa
elaborada, que será impressa pelo TRE-PA, fruto da parceria institucional.
A OAB-PA, pela primeira vez, não
integra o comitê e nem o termo de cooperação, que permanecerá em vigor
até a data de diplomação dos eleitos. O presidente do TRE-PA, desembargador
Ricardo Ferreira Nunes, o procurador da
República Igor Nery Figueiredo e o bispo Dom Flávio Giovenalle assinaram o
documento. Participaram da solenidade, pela Comissão Justiça e Paz da CNBB, o bispo
Auxiliar da Arquidiocese de Belém, Dom Theodoro Mendes, Irmã Marie Henriqueta
Cavalcante, coordenadora da CJP, a advogada Mary Cohen e esta que vos escreve,
Franssinete Florenzano.

Fizeram a cobertura da cerimônia as jornalistas Aline Brelaz, pelo Diário do Pará e Irna Cavalcante, para O Liberal, além do jornalista Bernardino Santos, pela Ascom do TRE.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *