0

“A Prefeitura de Belém, por meio da Comissão de Defesa Civil de Belém, informa que realizou vistoria técnica no bloco B do imóvel localizado na avenida Presidente Vargas, 762, no dia 11 de fevereiro, às 9h, em conjunto com representantes da Guarda Municipal, Secretaria Municipal de Saúde (Sesma), Funpapa, Corpo de Bombeiros e Ministério Público da União. Foram constatadas patologias provenientes do total abandono, sendo notória a falta de manutenção preventiva e corretiva em todos os pavimentos, tanto internamente quanto na fachada do edifício.

Tendo em vista os aspectos observados a partir da análise visual da estrutura da edificação foram sugeridas a adoção das seguintes medidas emergenciais: Limpeza de todos os pavimentos, fechamento de todos os vãos para impedir o acúmulo de água no interior e a entrada de terceiros; retirada das esquadrias externas, pois apresentam risco iminente de cair sobre vias e imóveis vizinhos; eliminação da vegetação para que não comprometa a estrutura de alvenaria; recuperação e proteção dos elementos estruturais (vigas e pilares), em todos os pavimentos. O relatório da vistoria técnica realizada pela Defesa Civil foi encaminhado para o Ministério Público Federal. 

Após a vistoria técnica da Defesa Civil de Belém, o Centro de Perícias Científicas  (CPC) Renato Chaves realizou também vistoria no imóvel. Contudo, após o conhecimento do laudo, a Comissão de Defesa Civil levantou questões a serem respondidas a partir de uma perícia complementar.

A nova vistoria foi realizada no interior do imóvel no dia 15 de julho de 2021, desta vez capitaneada pela Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb) em conjunto com técnicos do Corpo de Bombeiros e CPC Renato Chaves. O Centro de Perícias Científicas Renato Chaves concluiu que o imóvel periciado apresentava danos e patologias constatadas em seus sistemas construtivos; o que compromete a segurança estrutural e vida útil da edificação e possibilita um risco, ainda que não iminente, de desabamento do prédio ou de partes dele.”

Nota da Redação – O Portal Uruá-Tapera agradece as informações prestadas pela Prefeitura de Belém, de forma gentil e ágil, e espera que seja encontrada uma solução rápida, a fim de proteger as vidas e o patrimônio dos moradores da vizinhança e pessoas que transitam no entorno.

A direita em choque

Anterior

MPPA faz nova escuta social no Marajó

Próximo

Vocë pode gostar

Mais de Notícias

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *