Barcos regionais a motor, veleiros, vigilengas, rabetas, bajaras, canoas ubás, igarités, catraias, botes fazem parte da memória afetiva, produtiva e econômica parauara, navegando pelo oceano Atlântico, baías, rios que mais parecem mares, lagos, igarapés, furos, estreitos, igapós e campos alagados…

Embora o Quartel Tiradentes esteja localizado no coração do bairro do Reduto, sediando o 2º BPM e duas Companhias da Polícia Militar do Pará, os meliantes parecem desafiar abertamente os policiais. Os assaltos no bairro continuam muito frequentes, principalmente no…

Douglas da Costa Rodrigues Junior, estudante de Letras - Língua Portuguesa da Universidade Federal do Pará e bolsista do Museu Paraense Emílio Goeldi, ganhou a 18ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica na área de Ciências Humanas…

O Ministério Público do Trabalho PA-AP abrirá na segunda-feira inscrições para Estágio de Nível Superior. A seleção será destinada ao preenchimento de vagas e formação do quadro de reserva de estagiários dos cursos de Administração/Gestão Pública, Biblioteconomia, Direito, Jornalismo, Publicidade/Propaganda…

MPF anuncia resultado de auditorias

Os procuradores da República Ricardo Augusto Negrini e Daniel Azeredo Avelino anunciaram hoje o resultado de auditorias do Ministério Público Federal em 38 unidades de 26 empresas clientes da agropecuária paraense, a maioria frigoríficos responsáveis por 74% da capacidade de abate de gado. A medida é fruto de acordos assinados desde 2009 entre as empresas, o MPF e o governo do Pará – via Programa Municípios Verdes – com apoio da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) e da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec).

Foi apontada a necessidade de criação de mecanismos para evitar a compra do gado que nasce em áreas ilegais mas que é revendido por produtores rurais legalizados – a chamada “lavagem” ou “esquentamento”. 

Foram auditadas Agroexport Moju, Agroexport Tailândia, Aliança
Ativo Alimentos, BR Comércio de Carnes, Casfrisa, Coagro PA, Couro do Norte, Cruzeiro do Sul, Durlicouros, Flávio DR Nobre, ForteF, Frig Altamira, Frig Ribeiro, Frig Ribeiro (Santarém), Frigol, G&O Comércio, JBS Alta Floresta, JBS Araguaína, JBS Colider, JBS Marabá, JBS Redenção, JBS Santana do Araguaia, JBS Tucumã, MasterBoi, Mercúrio Ananindeua, Mercúrio Castanhal, Mercúrio Xinguara, Minerva, MR Souza Júnior, Planalto, Rio Maria, Santa Cruz Altamira, Santa Cruz Ananindeua, Santa Cruz Marabá, Socipe, Wellard, e Xinguara Indústria e Comércio.

Já as empresas Frinort Tomé Açu e MJ Novaes, apesar de terem celebrado Termo de
Ajuste de Conduta, não apresentaram a auditoria e nem qualquer justificativa razoável
para não fazê-la. T M da Silva de Carvalho – Frigorífico Novo Progresso EPP, Abatedouro de Bovinos Sampaio LTDA, José L. de Oliveira Eireli LTDA/Frivata Frig. Vale do Tapajós, Marfribe Indústria LTDA – EPP/
Matadouro e Frigorífico Bezerra, R. Barcelos Ribeiro ME Frigovan,
Frigonorte Acre e Uniboi Alimentos e Frigorífico São José não fizeram qualquer acordo e nem compromisso público de controle da legalidade
socioambiental de seus fornecedores e apresentam movimentação relevante, o que
pode comprometer negativamente todos os esforços de grande parte do setor na
regularização da atividade e na diminuição do desmatamento, conforme o MPF. Ademais, tais empresas
podem estar em condição vantajosa no que tange à livre concorrência caso se
comprove a aquisição de gado de origem ilegal. 

Por isso, os procuradores vão oficiar ao Ibama, para que fiscalize essas empresas, averiguando
inclusive possível responsabilidade de seus compradores; e
vão chamar os representantes legais das empresas para que compareçam ao
MPF.

Cliquem aqui e acessem os detalhes dos principais resultados auditados.

Leiam aqui  as principais recomendações.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *