Utilizar o futebol como ferramenta de transformação social para crianças e adolescentes de todo o Pará é o objetivo do projeto "Futebol Formando Cidadão", que será lançado neste domingo (29) no oeste paraense. A iniciativa é do Tapajós Futebol Clube,…

No próximo sábado, 28, é o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Esta semana, foram divulgados dados da Secretaria de Inspeção do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) referente a 2022, quando foram resgatados 2.575 trabalhadores em condições análogas…

Quase todo mundo já caiu na tentação de comer ou beber além do necessário, mas a data, 26 de janeiro, foi criada a fim de conscientizar a população sobre os perigos que a compulsão alimentar oferece à saúde. Neste ano,…

"Por muito tempo, nós, da Diretoria Executiva da Unimed Belém nos silenciamos diante das barbaridades que estavam sendo disseminadas entre os colegas nos recusando a entrar no jogo de convencimento de cooperados, pois acreditamos que a verdade sempre prevalece, ou…

MP toma medidas contra aterro em Marituba

A coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Meio Ambiente, Myrna Gouveia, e os promotores de justiça Evandro Ribeiro e Marcela Ferreira Melo estão  tomando providências nas esferas cível e criminal para apurar a eventual responsabilidade dos envolvidos em supostas irregularidades relativas ao aterro sanitário de Marituba.  Um inquérito civil está em curso e o Ministério Público estadual aguarda laudo do Centro de Perícias Renato Chaves que dimensione os impactos causados. 

Na semana passada, a comissão da Assembleia Legislativa do Estado que acompanha a situação do aterro sanitário de Marituba, presidida pelo deputado Raimundo Santos e integrada pelo líder do Governo, deputado Eliel Faustino, e pelo deputado Miro Sanova, reuniu com os promotores de justiça, lideranças comunitárias e ativistas sociais como a presidente da Associação Cidade Velha, Cidade Viva, Dulce Rosa Rocque, e o escritor André Costa Nunes, e todos defenderam a formação de um consórcio entre Belém, Ananindeua e Marituba.

Ao final do encontro, foi definido que os deputados e as partes envolvidas agendarão um encontro com o governador Simão Jatene, a fim de que seja esclarecido em que pé se encontra o processo para acabar com o problema do aterro sanitário de Marituba. Uma nova reunião também deve ser marcada com os prefeitos de Belém, Zenaldo Coutinho; de Ananindeua, Manoel Pioneiro, e Mário Filho, de Marituba. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *