0

Neste final de semana, dias 18 e 19, o Sistema Integrado de Museus e Memoriais da Secretaria de Estado de Cultura (SIMM/Secult) promove a montagem de canoas em miriti, com participação gratuita do público, das 9h às 12h, no Memorial Amazônico da Navegação, que fica dentro do Parque Zoobotânico Mangal das Garças e integra a programação 22ª Semana Nacional dos Museus, coordenada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), cujo tema, este ano, é “Museus, educação e pesquisa”.

O Museu Amazônico da Navegação foi fundado há 19 anos pelo governo do Pará, via Secult, e suas peças revelam a relação ancestral do homem amazônida com as águas. Os ambientes expositivos, tanto no pavilhão central quanto no seu entorno, trazem objetos, fotografias, textos, painéis, instalações e equipamentos que permitem o entendimento da importância histórica da navegação pelos rios.

Um dos recortes abordados na exposição trata da história da tipologia de embarcações e o saber fazer regional, como canoas, remos e redes de pescar.

A navegação comercial é destacada pela reprodução de maquetes de embarcações atuais e acessórios utilizados em barcos. Além da trajetória dos transportes fluviais, apresenta por meio de painéis e objetos a presença da Marinha Brasileira nos mais importantes acontecimentos históricos ocorridos no Pará.

O Mangal das Garças fica na Rua Carneiro da Rocha, s/nº, bairro da Cidade Velha, em Belém.

A borboleta azul

Anterior

Bolsas para estudantes de Comunicação Social

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *