0

A criação de um marco legal que estabeleça o respeito aos direitos humanos como condição para renovar as concessões de rádio e TV deixam a grande mídia de cabelo em pé. Diz que cercearia a liberdade de expressão. Detalhe que faz toda a diferença: a maioria dos veículos é financiada com recursos do poder público.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Olha o Lula aí, gente!

Anterior

Pará no CNJ

Próximo

Você pode gostar

Comentários