1

O Espaço São José Liberto, celeiro de empreendedores criativos de joias, gemas, moda e artesanato do Estado do Pará, inaugurou ontem (29), na Capela de São José, a exposição “Bem-aventurados”, que segue até 30 de outubro, com acesso livre e gratuito. O acervo é composto por 85 imagens sacras, com medidas entre 20 a 40 cm, em gesso, todas pintadas à mão com a utilização das técnicas barroca, porcelana, com auréola, découpage e porcelana, pedra com detalhes em ouro, porcelana colorida, biscuit, terracota, porcelana portuguesa, ferro fundido, pátina, edgt wood e metálica com dourado.

As imagens de santos e santas, em especial de Nossa Senhora, predominam na mostra, que inclui também imagens de anjos e presépios criadas pelo coletivo EntreSantos, grupo de artesãs criado em 2013 por Amélia Franco, Betty Castro, Cídia Martins, Linda Toscano e Lília Chaves.

No mês de outubro deste ano o complexo cultural São José Liberto celebra duas décadas de funcionamento, apoiando e promovendo iniciativas que fortalecem a cadeia produtiva da economia criativa, o crescimento do volume de vendas e a promoção comercial de joias, produtos de moda e artesanato em suas diversas classificações. Administrado pela Organização Social Instituto de Gemas e Joias da Amazônia, o espaço é importante equipamento do governo do Estado para potencializar a produção do artesanato parauara através de exposições comerciais, com venda de produtos feitos à mão com valor agregado gerados pelos empreendedores e empreendedoras oriundos de 44 municípios do Estado, de modo a possibilitar oportunidades de trabalho, renda e divulgação, com o incremento da atividade.

Pastor cancela cultos para apoiar candidatos da COMIEADEAPA

Anterior

LOA 2023 deixa Cultura na penúria

Próximo

Vocë pode gostar

1 Comentário

  1. Uma ótima oportunidade para visitar e enriquecer conhecimentos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *