A empresa de ônibus Belém-Rio, que faz a linha para o distrito de Outeiro – Ilha de Caratateua, em Belém, aparentemente está falida e reduziu pela metade a sua frota, causando enorme sofrimento aos usuários do transporte coletivo. O serviço,…

A Cosanpa abriu nada menos que seiscentos buracos imensos nos bairros mais movimentados de Belém, infernizando a vida de todo mundo com engarrafamentos e causando graves riscos de acidentes, principalmente porque chove sempre, e quando as ruas alagam os buracos…

O Procurador-Geral de Justiça César Mattar Jr. inaugurou nesta quinta-feira, 16, o Núcleo Eleitoral do Ministério Público do Estado do Pará, que vai funcionar na sede das Promotorias de Justiça de Icoaraci, distrito de Belém. O coordenador será o promotor…

A desembargadora Maria de Nazaré Saavedra Guimarães, que se destaca pelo belo trabalho que desenvolve à frente da Comissão de Ações Judiciais em Direitos Humanos e Repercussão Social do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, e que já coordenou…

Comissão da Verdade da Alepa será instalada dia 11


Hoje, se não tivesse a vida ceifada barbaramente em 11 de junho de 1987, aos 35 anos de idade, o ex-deputado estadual Paulo Fonteles (PCdoB), advogado da reforma agrária, ex-preso político da ditadura militar, completaria 65 anos. Vejam mais aqui, nos arquivos da Fundação Grabois.

Em homenagem à sua ex-esposa, a professora de Ciência Política da UFPA Hecilda Veiga, presa política que sofreu torturas, grávida, e deu à luz Paulo Fonteles Filho em pleno cárcere, ficou definido o próximo dia 11 de março, quando se comemora  também os 20 anos da Declaração de Chapultepec, carta de princípios internacional assinada em 1994 em defesa da liberdade de imprensa, a instalação da Comissão da Verdade da Assembleia Legislativa do Pará, após a sessão ordinária. 

O presidente da Alepa, deputado Márcio Miranda(DEM), acompanhado pelos deputados Carlos Bordalo e Alfredo Costa, do PT; Edmilson Rodrigues (PSOL) e Zé Francisco (PMN), recebeu hoje documento dos movimentos sociais cobrando a criação da Comissão no Pará. E explicou que a Mesa Diretora aguarda apenas a indicação dos líderes partidários para compor e instalar a Comissão da Verdade da Alepa, constituída por sete deputados, que vai apurar violações de direitos humanos ocorridas contra qualquer pessoa no território do Pará ou contra paraenses, ainda que fora do Estado, praticadas entre 18 de setembro de 1946 a 05 de outubro de 1988 e, em especial, na Guerrilha do Araguaia. A Comissão vai atuar em consonância com a Comissão Nacional da Verdade, do governo federal, criada pela Lei nº. 12.528, de 18 de novembro de 2011. 

Participaram da entrega da carta representantes do Comitê Paraense pela Memória, Verdade e Justiça, Comissão da Verdade dos Jornalistas do Pará e UNE. O ex-vereador Paulo Fonteles fez uma explanação acerca da importância do resgate da memória durante os anos de chumbo, e, como presidente da Comissão da Verdade dos Jornalistas do Pará, agradeci a parceria do Poder Legislativo e adiantei que no dia 11 de março será entregue à Alepa o relatório já apresentado à Comissão Nacional da Fenaj. O deputado Edmilson Rodrigues protocolou requerimento para que a Alepa realize sessão especial alusiva aos 50 anos do golpe militar de 1964. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *