Evellyn Vitória Souza Freitas nasceu no chão do banheiro do Hospital Municipal de Portel, município do arquipélago do Marajó (PA), no dia 28 de julho de 2021, por volta das 8h da manhã, prematura de 28 semanas e dois dias, pesando 1Kg e 39…

Vanete Oliveira, a jovem marajoara de 28 anos e mãe de cinco filhos que sofre há catorze anos com um tumor enorme em um dos olhos, que lhe cobre quase a metade da face, já está internada no Hospital Ophir…

Equipes da Divisão de Homicídios e da Delegacia de Repressão de Furtos e Roubos estavam monitorando há um mês o grupo criminoso que planejava roubar em torno de R$ 1 milhão no caixa eletrônico do Banpará localizado dentro do Hospital…

Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

Cametá(PA), o exemplo da cultura de paz

FOTO: SIDNEY OLIVEIRA
Cametá, a linda cidade parauara chamada Terra dos Romualdos, País do Mapará, Terra dos Notáveis, Pérola do Tocantins, Cidade Invicta e Jardim dos Artistas, cuja contribuição na memória cultural do Pará, nos âmbitos artístico, musical, literário e político, é imensa, é também motivo de orgulho por figurar em 22º lugar no ranking das 30 cidades mais pacíficas do Brasil, no recentíssimo Atlas da Violência 2017, produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Mais: 29 delas estão nas regiões Sul e Sudeste e a honrosa exceção é Cametá, que tem mais de 130 mil habitantes. O feito foi destacado ontem pelo presidente da Alepa, deputado Márcio Miranda, que requereu Votos de Louvor aos cametaenses.

Não à toa vários vultos históricos de Cametá denominam ruas e escolas em Belém, como por exemplo Dom Romualdo de Seixas, Dom Romualdo Coelho, Cônego Manuel José de Siqueira Mendes, Padre Prudêncio, Ângelo Custódio, Augusto Correa, Dr. Freitas, Enéas Martins, Gentil Bittencourt, Inácio Moura, Deodoro de Mendonça e Nelson Parijós.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *