Em iniciativa inédita, o Fórum de Entidades em Defesa do Patrimônio Cultural Brasileiro celebra os percursos individuais e coletivos que construíram as políticas de salvaguarda do patrimônio cultural no Brasil, lançando a obra “Em Defesa do Patrimônio Cultural”, organizado por…

Neste sábado, 16, postos de saúde ficarão abertos para a vacinação com foco em menores de 15 anos. Em Belém, 11 unidades vão funcionar das 8h às 14h. A campanha da Multivacinação iniciou no dia 04 de outubro e segue…

De autoria do carnavalesco e professor Paulo Anete, o enredo para o Carnaval 2022 da Escola de Samba Grêmio Recreativo Carnavalesco e Cultural Os Colibris, de Belém do Pará, é “Zélia Amada/ Zélia de Deus/ Zélia das Artes/ Herdeira de…

Batizada de sagui-de-Schneider (Mico schneideri), em homenagem ao pesquisador brasileiro Horácio Schneider (1948-2018), geneticista da Universidade Federal do Pará e pioneiro da filogenética molecular de primatas, a descoberta alvoroçou a comunidade científica internacional. A nova espécie de sagui amazônico do…

Belém submergiu esta manhã

Belém do Pará amanheceu caótica, alagada e com o trânsito parado. Foi muito difícil para todo mundo chegar ao trabalho. De acordo com a Defesa Civil Municipal, das 7h às 9h de hoje o índice pluviométrico em Belém atingiu 80,8 mm. Esse volume de chuva corresponde a quase seis vezes o esperado para um dia inteiro neste período. O quadro foi agravado porque às 8h23, de acordo com o Centro de Hidrografia da Marinha, a maré em Belém atingiu volume máximo de 2.9 metros de altura.

Pouco antes do horário de pico, as comportas dos canais foram fechadas automaticamente para que a água não avançasse sobre a cidade. Mas os canais não suportaram a pressão e acabaram transbordando. Equipes da Secretaria Municipal de Saneamento identificaram pontos de obstrução provocados por lixo descartado de forma criminosa, além de construções irregulares sobre canais. 

Nas bacias do Tucunduba e da Estrada Nova obras de macrodrenagem realizadas pelo Governo do Estado e pela Prefeitura de Belém estão sendo realizadas para possibilitar o escoamento da água da chuva e acabar com alagamentos em diversos bairros. Em Belém, faltando contabilizar dois dias, o mês de fevereiro já supera em 58% o volume de chuva esperado. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) até esta segunda-feira já choveu 648,3 mm, quando a média histórica é de 412,5 mm. Felizmente o dilúvio cessou e o sol voltou a brilhar.

Os principais pontos de alagamento são na rua dos Mundurucus com Av. Alcindo Cacela, rua dos Pariquis, nas esquinas com Trav. 14 de Março, Quintino Bocaiúva e todas as após a Alcindo Cacela;, Av. Marechal Hermes, entre Visconde de Souza Franco (Doca) e Trav. Rui Barbosa, Trav. 3 de Maio com Domingos Marreiros, Trav. 9 de Janeiro,  rua Domingos Marreiros com Doca de Souza Franco, avenidas Pedro Miranda, Marquês de Herval, Conselheiro Furtado, Avenida Roberto Camelier e João Paulo II após a Av. Doutor Freitas. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *