A sesquicentenária samaumeira que perdeu seus galhos na madrugada desta segunda-feira (6) é memória afetiva de todos os paraenses e até de gente de fora do Pará e do Brasil que frequenta Belém durante o Círio de Nazaré. Localizada em…

O Tribunal Regional Eleitoral do Pará oficializou o resultado da eleição suplementar em Viseu 39 minutos após o encerramento da votação. Foi eleito prefeito Cristiano Vale (nº 11 – PP – Voltando pra Cuidar da Gente) e vice-prefeito Mauro da…

Nem bem foi inaugurado, e ainda faltando a instalação dos bancos e finalização, o calçadão da Avenida Beira-Mar, em Salinópolis, sofreu diversas avarias. A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras acionou a empresa responsável pela obra, que está executando ações…

A expectativa era grande em relação à ida do governador Helder Barbalho à Assembleia Legislativa para a leitura da Mensagem na instalação da 61ª Legislatura. Funcionou como uma espécie de termômetro da Casa, que abriga novos deputados na oposição, e…

Aromaterapia em tempos de tensão e eclipses

Se você atravessou o mês de outubro sem sentir nenhum tipo de tensão ou ansiedade, pode pegar a plaquinha de privilégio. Foram dias decisivos na vida de todos nós onde não apenas nossas escolhas foram importantes, mas principalmente nossos posicionamentos.

Assumir uma postura numa época em que vemos um grupo extremista e antidemocrático buscando ditar as regras não é nada fácil e muito menos confortável, atravessar isso pode ser doloroso e até deixar marcas, e é aqui que a aromaterapia pode ser uma aliada.

Cada óleo essencial possui compostos químicos específicos que ao ser inalados chegam ao nosso sistema límbico, ativando assim os complexos de hormônios que nos permitem acalmar, dormir, despertar, focar e assim por diante.

Mas como saber qual utilizar e como? A resposta pra isso é sempre passar por uma consulta com aromaterapeuta, é este o profissional quem vai fazer a anamnese e chegar a um protocolo para que possas seguir. Nesta consulta são abordados todos os aspectos da saúde, tanto física quanto emocional, o estilo de vida de quem vai utilizar, alimentação e demais aspectos que possam agregar na terapia.

Lembrando ainda que neste dia 8 de novembro vamos vivenciar um eclipse lunar em Touro, tensionando ainda mais nossas questões internas, revolvendo nos intestinos e colocando pra fora aquilo que não dá mais pra segurar. Um ponto que vale tanto para nós individualmente quanto para a saúde coletiva do país.

Dentre os óleos mais indicados para este momento de transição política tensionada com eclipse lunar, o óleo essencial de Cardamomo chega como um bálsamo para trazer lucidez e aceitação.

Atendendo pelo nome botânico Elettaria cardamomum, esta especiaria indiana da família Zingiberacea é uma conhecida aliada da digestão e por isso mesmo ajuda a “digerir” novos pensamentos. Seu óleo essencial é rico em acetatos de linalia e de terpinila, linalol e geraniol, e por isso trabalha a calmaria sem nos deixar apáticos ou com sono.

Segundo a aromaterapeuta norte-americana Débora Eidson, seu uso permite que possamos assimilar novas energias, transformando o estresse do apego às velhas convicções em energias menos conflitantes. É um óleo essencial que promove uma aceitação mais tranquila de novos pensamentos contrários ao que pensam as massas. É o OE que se utiliza em casos onde a menção ao novo causa resistência e choque. Ou seja, um excelente aliado para atravessarmos este momento de bloqueios de estrada e manifestações infundadas.

O eclipse da Lua em Touro também tende a mexer com nossa função digestiva, lugar onde estão também nossas memórias instintivas. Não é à toa que muitas pessoas apresentam intestino desregulado. Utilizar o óleo de Cardamomo nesses casos ajuda a desbloquear nossas memórias, relaxando toda a rigidez que fica retida nessa região, permitindo que a gente possa apreciar a vida com mais doçura.

E aí? Sentiu que é contigo também tudo isso que estamos vivendo? Bora buscar atravessar essas tensões com firmeza, mas sem perder a ternura?

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *