0
Quando o presidente do STF, ministro Gilmar Mendes, se queixou de que não se sabe mais se é o leiteiro ou a polícia batendo à porta de casa às 6h da manhã, o presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, Sandro Torres Avelar , saiu-se com esta: “É porque prendemos o leiteiro”. É que, na Operação Ouro Branco, a Polícia Federal prendeu a quadrilha que adulterava parte do leite longa vida distribuído em todo o País, misturado com soda cáustica.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

A conferir

Anterior

Manias do poder

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *