0
O ranking de espumantes nacionais da Playboy que chega nas bancas dia 12 vai dar dor de cabeça às grandes marcas. Elaborado por meio de uma degustação às cegas, realizada por dez connaisseurs de renome, traz como vencedor o pouco conhecido Dom Cândido, fabricado pela família Valduga no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS). O consumidor vai adorar, já que o Dom Cândido é o segundo espumante mais barato (R$ 25) dentre os dez eleitos. O mais caro é o Excelence par Chandon, da Chandon, que custa três vezes mais e ficou com a medalha de prata. O segundo mais caro (R$ 71) é o Millésime Brut, da Miolo, que obteve a décima posição.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Agilidade

Anterior

Acredite

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *