A sessão da Asembleia Legislativa do Pará, hoje, foi inviabilizada pela ausência de dois terços dos deputados e deputadas. No horário destinado à discussão e votação de projetos, como só onze deputados estavam presentes no plenário, o presidente da Alepa,…

A Assembleia Legislativa aprovou hoje a criação da Secretaria de Estado das Cidades e Integração Regional, oriunda do desmembramento de parte das atribuições da Sedop – Secretaria de estado de Obras Públicas. Em sua Mensagem endereçada ao presidente da Alepa,…

O seccionamento dos leitos das PA-252 (entre Acará e Moju), PA-150 (entre Goianésia do Pará e Tailândia) e PA-481 (Barcarena), em razão das fortes chuvas e da cheia de rios próximos, que romperam os bueiros, partindo o asfalto completamente nesses…

O prefeito Edmilson Rodrigues está fazendo uma mini reforma administrativa. Depois da nomeação da ex-deputada e educadora Araceli Lemos para a Secretaria Municipal de Educação, ele nomeou Inês Silveira, que chefiava o Cerimonial do Gabinete do Prefeito, para a presidência…

Pantera escapa da degola

O São Raimundo segue na Copa do Brasil. Mas foi punido com a perda de três pontos no torneio nacional, por maioria de votos da Quarta Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, há pouco. Com isso, o duelo com o Botafogo, em 11 de março, válido pelo jogo de volta da 1ª fase da competição, está mantido. A confusão, agora, é quanto aos critérios de desempate para o segundo confronto, a cargo da CBF.

Na visão dos auditores, se o Pantera Negra vencer o Botafogo, se classifica por ter o mesmo número de pontos (as duas equipes zeradas), tendo a vitória como critério de desempate. Qualquer outro resultado (inclusive empate) favorece o Botafogo.

A Procuradoria do STJD denunciou o São Raimundo pela escalação irregular de três jogadores – o atacante Hallace, o volante Beto e o lateral-esquerdo João Pedro – no 1º jogo contra o Botafogo, disputado no Colosso dos Tapajós, em Santarém. Os nomes dos atletas não constavam no Boletim Informativo Diário. Em depoimento hoje, o presidente da FPF, Antônio Carlos Nunes, assumiu a responsabilidade pela falha na inscrição dos atletas.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *