Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

Na quarta-feira passada, dia 24, a audiência pública na Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, em Brasília, era para discutir a gravíssima situação na Terra Indígena Yanomami, mas o clima de enfrentamento entre bolsonaristas e lulistas inviabilizou…

O prefeito Edmilson Rodrigues anunciou que Belém tem condições de fazer o Carnaval 2022, após reunião hoje (25) à tarde com representantes das escolas de samba e blocos carnavalescos. Ele acredita que com mais de 80% de pessoas vacinadas contra…

Em 17 de dezembro de 1999, a Assembleia Geral das Nações Unidas designou o 25 de novembro Dia Internacional da Eliminação da Violência contra a Mulher. Passados 22 anos, os dados do 14° Anuário Brasileiro de Segurança Pública são aterrorizantes: por…

O mundo dá exemplo

O Parlamento Europeu condenou a “morte desnecessária e cruel” do dissidente prisioneiro político Orlando Zapata Tamayo, após 85 dias de greve de fome, e a tentativa do governo de impedir a sua família de realizar o funeral e de lhe prestar uma última homenagem. Na resolução sobre a situação dos prisioneiros políticos em Cuba, o PE alerta também para o “estado alarmante” em que se encontra o jornalista Guillermo Fariñas, cuja persistência na greve da fome poderá ter um desenlace fatal.

O PE deplora a “ausência de quaisquer sinais significativos por parte das autoridades cubanas em resposta aos apelos da União Europeia e da comunidade internacional em prol da libertação de todos os prisioneiros políticos e do pleno respeito dos direitos e liberdades fundamentais” e exorta o governo cubano “à libertação imediata e incondicional de todos os prisioneiros políticos e de consciência“.

Os eurodeputados instam as instituições europeias a apoiarem incondicionalmente e a incentivarem sem reservas o lançamento de um processo pacífico de transição política para uma democracia multipartidária em Cuba.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *