O Tribunal Regional Eleitoral do Pará oficializou o resultado da eleição suplementar em Viseu 39 minutos após o encerramento da votação. Foi eleito prefeito Cristiano Vale (nº 11 – PP – Voltando pra Cuidar da Gente) e vice-prefeito Mauro da…

Nem bem foi inaugurado, e ainda faltando a instalação dos bancos e finalização, o calçadão da Avenida Beira-Mar, em Salinópolis, sofreu diversas avarias. A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras acionou a empresa responsável pela obra, que está executando ações…

A expectativa era grande em relação à ida do governador Helder Barbalho à Assembleia Legislativa para a leitura da Mensagem na instalação da 61ª Legislatura. Funcionou como uma espécie de termômetro da Casa, que abriga novos deputados na oposição, e…

Foram empossados hoje na Assembleia Legislativa do Pará os 41 deputados estaduais eleitos para a 61ª Legislatura (2023-2027). Em seguida houve eleição para a Presidência e a Mesa Diretora, em chapa única, tendo sido reeleito praticamente à unanimidade – por…

Multiplicação dos peixes

Depois das domésticas pagas com dinheiro público, dos laranjas inocentes ou não, das cestas básicas e vales-alimentação em proliferação, agora a história de que na folha de pagamento da Assembleia Legislativa do Pará havia um peixeiro em cuja data de contratação, em 1988, tinha um ano de idade (!) foi parar hoje na Folha de São Paulo.

Ricardo Rafael Monteiro da Silva tem 24 anos e, até agosto de 2009, era registrado como técnico legislativo, com remuneração superior a R$ 15 mil em salário e gratificações (R$ 12 mil líquidos). Trabalha em uma peixaria de Belém, tem ensino médio incompleto e nem sabe onde fica a Alepa.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *