Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

As Diretorias de Combate à Corrupção e de Polícia do Interior da Polícia Civil do Pará prenderam hoje (28), no Distrito Federal, durante a Operação "Litania”, uma falsa empresária e sócios-proprietários que utilizavam empresa de fachada como instituição financeira para…

A Secretaria de Estado da Fazenda do Pará publicou extrato de dispensa de licitação para contratar a Prodepa, por R$800.427,88, a fim de desenvolver novo site da Transparência do Governo do Pará, com criação de nova arquitetura de informação, navegação…

Andar de motocicleta proporciona histórias, experiências e adrenalina. Motos oferecem facilidade de locomoção rápida e de conseguir estacionamento. Mas a liberdade é, sem dúvida, o motivo número 1 de todo motociclista. Sentir o vento, o clima, fazer parte da paisagem. Este é…

MP apura denúncia quilombola em Óbidos

A promotora de Justiça de Oriximiná, Ione Missae, visitou a comunidade Ariramba, no município de Óbidos, a fim de apurar  denúncia dos moradores no sentido de que, na área de pretensão do território quilombola junto ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) aprovou plano de manejo florestal em favor da madeireira “Samal” e com Cadastro Ambiental Rural da fazenda “Murta”, sendo que o título é do Instituto de Terras do Pará (Iterpa) e possivelmente de outra área”. De acordo com a representante do Ministério Público do Estado do Pará, há um inquérito civil da Promotoria Agrária de Santarém que acompanha o processo de regularização do território quilombola Ariramba. Estiveram presentes a defensora pública Andréia Barreto, o agente da Comissão Pastoral da Terra (CPT), Ítalo Santos, e o agente da Pastoral da paróquia de Oriximiná, Josielson Costa.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *