Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

As Diretorias de Combate à Corrupção e de Polícia do Interior da Polícia Civil do Pará prenderam hoje (28), no Distrito Federal, durante a Operação "Litania”, uma falsa empresária e sócios-proprietários que utilizavam empresa de fachada como instituição financeira para…

A Secretaria de Estado da Fazenda do Pará publicou extrato de dispensa de licitação para contratar a Prodepa, por R$800.427,88, a fim de desenvolver novo site da Transparência do Governo do Pará, com criação de nova arquitetura de informação, navegação…

Andar de motocicleta proporciona histórias, experiências e adrenalina. Motos oferecem facilidade de locomoção rápida e de conseguir estacionamento. Mas a liberdade é, sem dúvida, o motivo número 1 de todo motociclista. Sentir o vento, o clima, fazer parte da paisagem. Este é…

Motorista alucinado na estrada em Salinas

Vejam a que ponto chega a irresponsabilidade: ontem, chamava a atenção de todos o condutor de um Hyundai HB-20, que trafegava perigosamente pelo trevo de acesso à praia do Atalaia, em Salinópolis, ziguezagueando em alta velocidade e fazendo ultrapassagens arriscadas no rumo da PA-124. Uma equipe do Grupamento Aéreo de Segurança Pública, comandada pelo delegado Bruno Leite, que estava em helicóptero para observar a área, acionou a guarnição do Grupo Tático Operacional da Polícia Militar, que tentou interceptar o veículo, sem sucesso. No ar, o Graesp localizou o carro, que seguia no rumo do distrito de Cuiarana, e mobilizou os agentes do Detran-PA e do Batalhão de Polícia Rodoviária, que fizeram a abordagem. Os policiais verificaram que o motorista aparentava estar alcoolizado, além do que viram no interior do carro substância semelhante a entorpecente. O próprio condutor declarou que estava tendo alucinações, e foi levado até a Delegacia de Polícia local, enquanto seu carro foi guinchado, a fim de evitar que um acidente grave ocorresse.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Participe da discussão

2 comentários

  1. Porto Futuro! Não há obras mais urgentes a fazer? Família Barbalho no pedaço, prejuízo certo para o Pará Chamem o SuperTarcísio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *