No dia 6 de maio deste ano, o artista Eduardo Kobra inaugurou o mural “Coexistência – Memorial da Fé por todas as vítimas do Covid-19”, feito inicialmente em uma tela, no ano passado. Com 28 metros de largura por 7…

Desde o registro oficial do 1º caso confirmado de Covid-19, em 26 de fevereiro de 2020, o Brasil superou a trágica marca de meio milhão de mortos e quase 18 milhões de infectados confirmados, na tarde de 18 de junho de 2021, conforme…

Já estão conclusos à relatora no Supremo Tribunal Federal, ministra Rosa Weber, os autos da ADPF 848/DF - Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental, com pedido de medida cautelar, proposta pelos governadores do Distrito Federal e dos Estados de Alagoas,…

Os artistas são os mais atingidos pela pandemia de Covid no Brasil, onde sempre foi difícílimo viver de arte, ainda mais em tempo que não se pode fazer shows, concertos, vernissages, temporadas teatrais, festivais, lançamentos de livros e mostras de…

LDO 2022 na reta final de emendas

O Projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias 2022, que tramita na Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária da Assembleia Legislativa, sob a relatoria do deputado Igor Normando, já recebeu 90 emendas até agora. Duas delas alteram os percentuais atribuídos aos Poderes Legislativo e Judiciário e ao Ministério Público do Estado. Se não houver prorrogação do prazo, daqui a quinze dias a CFFO votará o parecer do relator, com as emendas acatadas. A Alepa deverá aprovar a LDO até 30 de junho, sob pena de não haver recesso parlamentar.

Em sua Mensagem encaminhando o projeto, o governador Helder Barbalho explicou que a LDO 2022 foi elaborada em plena situação de calamidade pública e por isso pode ser preciso uma revisão das metas, vez que a crise sanitária prejudica a previsibilidade orçamentária e fiscal do próximo exercício.

O presidente da Alepa, deputado Chicão, acompanha atentamente as emendas apresentadas e está convencido do equilíbrio nas contas públicas do estado. Chicão acentua a preocupação do Legislativo na melhoria dos serviços públicos, com foco na qualidade de vida da população e redução da pobreza e da desigualdade em todas as regiões paraenses.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhar