Governador do Pará e presidente do Consórcio de Governadores da Amazônia Legal, Helder Barbalho está com agenda intensa em Brasília, e em reunião com Lula nesta sexta-feira (27) apresentou documento proposto pelo CAL. Para o desenvolvimento regional do bioma amazônico,…

O Papa Francisco nomeou o atual bispo da prelazia de Marajó (PA), Dom Evaristo Pascoal Spengler, bispo de Roraima (RR), que estava sem titular há um ano, desde a transferência de Dom Mário Antônio da Silva para a arquidiocese de…

Utilizar o futebol como ferramenta de transformação social para crianças e adolescentes de todo o Pará é o objetivo do projeto "Futebol Formando Cidadão", que será lançado neste domingo (29) no oeste paraense. A iniciativa é do Tapajós Futebol Clube,…

No próximo sábado, 28, é o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Esta semana, foram divulgados dados da Secretaria de Inspeção do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) referente a 2022, quando foram resgatados 2.575 trabalhadores em condições análogas…

Identificados os mortos em Pau D’Arco

LOCAL DO CRIME. FOTO: ASCOM MPE-PA
O procurador-geral de Justiça, Gilberto Martins, o promotor de Justiça de Redenção, Erick Fernandes, os procuradores da República Deborah Duprat e Igor Spíndola, representantes de movimentos sociais e da Comissão Nacional dos Direitos Humanos  vistoriaram hoje à tarde a fazenda Santa Lúcia, em Pau D’Arco, a 50 quilômetros de Redenção, local onde dez pessoas foram mortas durante operação policial, ontem. Eles foram acompanhar o trabalho de peritos que buscavam cápsulas de bala, marcas de sangue e outras informações que contribuam para o inquérito policial.
Antes, o MPE-PA reuniu com familiares das vítimas, na Promotoria de Justiça de Redenção e na sede local da OAB-PA. 

Os promotores de Justiça Jane Cleide Silva e Alfredo Amorim, que são lotados em outros municípios mas estão reforçando a atuação da instituição neste caso, também participaram da reunião.
A pedido das famílias, os corpos  saíram no início desta noite de Marabá e Parauapebas e serão levados para a funerária Unipax, em Redenção. A expectativa é de que cheguem por volta das 23h horas. 

O promotor de Justiça Erick Fernandes também esteve no hospital municipal de Redenção para ouvir pessoas que foram feridas durante o confronto armado. Ele também conversou com familiares das vítimas para coletar mais informações. A perícia dos corpos, no Instituo Médico Legal de Parauapebas e de Marabá, foi acompanhada pelos promotores Francys do Vale, Patrícia Pimentel e Guilherme Carvalho. 

Já estão identificadas as vítimas fatais: Hércules Santos Oliveira, Ronaldo Pereira de Souza, Antônio Pereira Milhomem, Bruno Henrique Pereira Gomes, Regivaldo Pereira da Silva, Wedson Pereira da Silva, Nelson Souza Milhomem, Clebson Pereira Milhomem, Oseir Rodrigues da Silva e Jane Julia de Oliveira. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *