A expectativa era grande em relação à ida do governador Helder Barbalho à Assembleia Legislativa para a leitura da Mensagem na instalação da 61ª Legislatura. Funcionou como uma espécie de termômetro da Casa, que abriga novos deputados na oposição, e…

Foram empossados hoje na Assembleia Legislativa do Pará os 41 deputados estaduais eleitos para a 61ª Legislatura (2023-2027). Em seguida houve eleição para a Presidência e a Mesa Diretora, em chapa única, tendo sido reeleito praticamente à unanimidade – por…

O governador Helder Barbalho está soltando a conta-gotas os nomes dos escolhidos para compor o primeiro escalão de seu segundo governo. Nesta quarta-feira será a posse dos deputados estaduais e federais e dos senadores, e a eleição para a Mesa…

Pela primeira vez na história, está em curso  um movimento conjunto da Academia Paraense de Letras, Academia Paraense de Jornalismo, Instituto Histórico e Geográfico do Pará e Academia Paraense de Letras Jurídicas, exposto em ofício ao governador Helder Barbalho, propondo…

Exclusivo: como será cobrada a TFRH

Para se ter uma ideia de como funcionará a cobrança da Taxa de Controle, Acompanhamento e Fiscalização das Atividades de Exploração e Aproveitamento de Recursos Hídricos, que tanta polêmica e apreensão tem causado, e que será votada daqui a pouco no plenário da Alepa, eis uma simulação do teto do valor da TFRH para alguns empreendimentos, baseada na Outorga de Água emitida pela Sema, em relação a algumas empresas, de setores diferentes. É importante enfatizar que se trata de um teto máximo, ainda sem aplicar as hipóteses de isenção já previstas e negociadas com a Assembleia Legislativa, especialmente na hipótese de pequeno volume. Também não considera a possibilidade de redução da taxa a fim de evitar a operosidade excessiva. 

A simulação foi feita ao blog, com exclusividade, pelo secretário extraordinário de Estado para Coordenação do Programa Municípios Verdes, Justiniano de Queiroz Netto, que acompanhou toda a negociação junto aos parlamentares e ao setor produtivo.

Confiram:

Frigorífico Mafripar (outorga Sema 1166/2013) – volume diário = 541 m3 – volume mensal (22 dias úteis) = 11.880 m3 / Valor mensal = R$ 6.082,56 (teto da taxa)

Almeirim Industrial – empresa florestal (outorga Sema 872/2013) – volume diário = 46 m3 – volume mensal (22 dias úteis) = 1.012 m3 / Valor mensal = R$ 518,00 (teto da taxa)

Jari Celulose – (outorga Sema 1242/2014) – volume diário = 1.808 m3 – volume mensal (22 dias úteis) = 39.776 m3 / Valor mensal = R$ 20.365,00 (teto da taxa)

Os valores ainda estarão sujeitos à calibragem do Executivo, quando da regulamentação da lei, ouvidos obrigatoriamente o Legislativo estadual e o setor produtivo, conforme acordo celebrado

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *